segunda-feira, janeiro 25, 2010

Presidente da Câmara de Moscovo compara parada-gay a acto satanista

Iúri Lujkov, presidente da Câmara da capital russa, comparou as paradas-gay a satanismo e afirmou que jamais permitirá a sua realização em Moscovo.
“Há vários anos que tem lugar uma pressão sem precedentes sobre Moscovo para exigir a realização de uma parada-gay aqui, que só pode ser considerada um acto satanista. Mas nós não permitimos, nem permitiremos semelhante parada. Todos devem encaixar isto não como um teorema, mas como um axioma”, declarou hoje Iúri Lujkov.
Segundo ele, na luta contra males sociais como a toxicodependência, a xenofobia, a inimizade entre nacionalidas e “a propaganda descarada do chamado amor homosexual”, “deve-se deixar de discusões meigas sobre os direitos humanos, mas atacá-los com toda a força e justeza da lei”.
“Não se deve oferecer um doce liberal, mas um chicote social ou algo semelhante ao chicote!”, exclamou.
A guerra entre Lujkov e os moscovitas homossexuais começou em 2006, quando o presidente da câmara de Moscovo proibiu a realização da primeira parada-gay, tendo feito o mesmo nos anos seguintes.
Os homossexuais não desistem da sua intenção e convocaram uma nova manifestação para 29 de Maio, pois esperam contar com o apoio do Tribunal Europeu de Direitos Humanos.
Depois de terem perdido todas as acções nos tribunais russos, os homossexuais recorreram ao Tribunal Europeu, que exigiu da Rússia uma explicação para a proibição de paradas-gay. Moscovo deve apresentar essa explicação até 20 de Fevereiro.
“Iremos lutar pela realização da parada-gay nesse dia, porque os nossos apoiantes estrangeiros, que planeiam participar nessa acção, já compraram os bilhetes”, declarou Nikolai Alkseev, organizador da parada em Moscovo.

24 comentários:

Anónimo disse...

Isso é safadeza!
Proibição total!

Anónimo disse...

Acho a comparação a acto satanista completamente despropositada.
Essa paradas são algo aberrante isso sem duvida,e qualquer tolerancia sobre essas paradas vai ser abrir precedentes para essa cambada querer fazer manifestações por tudo quanto é lado com o espalhafato que lhes é caracterizado.

Então porque não paradas de pedófilos?podem alegar partilhar de sentimentos em relações a crianças mais novas e vir com a desculpa de que é "amor".

A homossexualidade se deriva do facto de maior quantidade de celulas femininas num corpo masculino chama se defeciencia fisica.Logo é defeciencia.

Se for opção psicologica é disturbação mental,logo é defeciencia igualmente.

A proliferação da homossexualidade resume se a:
Destruição da coesão social
Baixa da taxa de natalidade
Envergonhar a nação
Proliferação de hiv.

É de todo intoleravel que uma minoria queira impor numa sociedade secular um "way" of life perante a grande maioria normal seguindo toda a natureza humana.

Em Portugal infelizmente abriram as portas á maricagem.na Russia liderada por homens espero sinceramente que os mandem foder.Haja alguem na Europa que ponha essa cambada na linha.

NN

Anónimo disse...

Moscovo faz muito bem! Quem dera se tivessemos políticos assim em Portugal. É uma vergonha ver essa gente liberal a querer parada gay por todo lado. A cultura homossexual não pode ser imposta. O acto homossexual não é normal. Homossexuais são seres sem honra e inimigos da família tradicional.

Anónimo disse...

Acho muito bem!
Que alguém os ponha na ordem!
Basta de ser politicamente correcto!
Sócrates é uma vergonha, legalizou os casamentos homossexuais porque quer ser "progressista" e ganhar votos! Não se importa que mais de metade da população seja contra!Lá porque votaram no PS, isso dá-lhe carta branca? Recusou-se a fazer um referendo porque sabia que ia perder! Era melhor que se preocupasse com o nível de vida da sua população e deixasse o sexo à intimidade das pessoas! Alguém proíbe os homossessuais de fazerem o que querem nas suas casas?
Para que precisam eles de andar a mostrar-se a toda a gente, a exigir direitos e a pavonear as suas opções na cama?
As outras pessoas fazem-no?
Alguém que goste de dormir com negros (as),ou com loiras, ou com suecos(as) anda por aí a exigir direitos?
Qualquer dia temos pessoas a pedir para legalizarem o incesto, a poligamia, o sexo com animais, com crianças,etc! É uma vergonha!

Pedro disse...

É por isto que admiro a Rússia.
Não se deixa embarcar por tudo o que é lixo Ocidental.
Tive pena que tenham deixado entrar cadeias tipo MacDonalds e BurgerKing (que só destroem a saude).

Andam por aqui uns ilustres que medem tudo em função das comparações com o Ocidente sendo para eles o modelo da civilização mais avançada que existe, mas esquecem-se sempre dos podres que temos por cá.

É a comida cada vez mas adulterada por quimicos nocivos, são as TV com cada vez menos cultura e mais porcaria (Telenovelas, Reality shows, films de crime e violência, pornografia etc, e com politicos cada mais mais marionetas e falsos (tipo socrates, Blair, Sarkozi, obama etc).

A Rússia deve dizer não a isto e construir um cultura forte, com valores próprio, com identidade.

A homosexualdade não é reprimida (nem deve ser) na Rússia, mas este tipo de paradas Gay e absolutamente abominavél.

Parabém ao presidente da camara de Moscovo.

Anónimo disse...

Aqui no Brasil temos essa porcaria todo ano e todo mundo acha lindo, um monte de seres estranhos desfilando, até cartilha de como usar drogas são distribuidas, a tal política de redução de danos, em muitas áreas o país está un cãos e ninguém entende porque.

Jorge Almeida disse...

Anónimo 09:52, fazia melhor se se deixasse de anonimatos, e assumisse a sua opinião sobre o casamento homossexual duma maneira plena.

Tem medo de quê? No nosso país, podemos opinar à vontade. Não estamos na Rússia!

Pessoalmente, sou contra as manifestações do "orgulho gay", pelo menos da maneira como vêm a ser feitas, pois são feitas com uma falta de pudor que até viola a lei do nosso país.

No entanto, sou a favor do casamento entre homossexuais. Se 2 pessoas se amam, se querem construir uma vida em comum, porque é que têm de ter direitos e deveres diferentes, consoante forem homossexuais ou heterossexuais?

Até agora, só têm sido publicados comentários de quem mostra ignorar que os homossexuais sempre existiram., existem e existirão.

A culpa da situação social de hoje em dia, no mundo ocidental, não se deve a eles passarem a assumir as suas preferências sexuais. Se um homem não quer ir para a cama com uma mulher, e vice-versa, quantos filhos é que vão ter na vida entre os 2? Vejam lá a Rússia, com todas estas medidas anti-gay, onde a falta de natalidade já se faz sentir no nº de alunos universitários, conforme foi noticiado neste blogue há poucos dias.

A culpa da situação social de hoje em dia é dum consumismo desenfreado, que obrigou as mulheres a trabalhar fora para que as famílias se possam sustentar em termos económicos, o que levou a uma pressão enorme sobre o mercado de trabalho a nível mundial, obrigando a que pais e mães estejam cada vez mais tempo fora de casa, e com cada vez menos disponibilidade (quer temporal, quer em termos financeiros, quer no seu projecto de vida) para criar filhos. Por outro lado, mesmo com estes constrangimentos, vemos a população mundial a aumentar, e a gastar os já escassos recursos naturais do planeta duma maneira irresponsável. Que futuro é que um pai está a dar ao seu filho, a viver num planeta assim?

Jose Milhazes disse...

Caros leitores, peço-vos que façam comentários correctos, pois, infelizmente, já tive de começar a censurar.

ALONE HUNTER disse...

Eu acredito que esse tipo de manifestação deveria ser feito em Tbilisi, já que parece que aquele paí passa por uma Revolução, inserindo em sua sociedade tendências ocidentais. O problema desse movimento é a Mídia, que dá valor estimado á quebra dos preconceitos contra os homossexuais.

Será que essa é a prioridade em nossa sociedade? E os deficientes físicos, quando será será organizado uma Parada para reinvindicar os seus direitos? Acredito que quem irá definir isso é a Mídia, que manipula as notícias defendendo os seus interesses. Defendem um sistema que só beneficia poucos países, esse capitalismo selvagem, deixando na miséria países menos favorecidos!!!!! Censura para eles!!! Agora!!!!!!!

Ítalo Tavares disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Welbehck disse...

a russia está de parabens!

queria que o Brasil fosse assim tambem, pois essas festas de homossexuais são piores doque o Carnaval.

o negocio de liberar esse tipo de manifestação na russia só pioraria o N° de infectados pela a Aids e tambem diminuiria o N° de Nacimentos que já e muito baixo nessa Nação.

por isso eu digo Russia e a unica nação europeia de verdade nesse continete decadente, que e a Europa.

sim a cultura russa genuinamente Pura e não as depravações do ocidente!

Nuno Alves disse...

Este blogue virou um antro de kremlinófilos reacionários pseudos fascistas defensores da "civilização russa". É cómico !

Anónimo disse...

Concordo com a Manifestaçao,mas com uma condiçao,todos nus e só quando as temperaturas descerem a 30graus negativos!!Aí sim,mostrei lá esse "orgulho gay"

Gilberto Mucio disse...

A Rússia está mais pra nação "muçulmana"(atrasada) que nação européia.

Acho essas passeatas(no Ocidente) muito exageradas, e geralemnte de mau gosto.

Mas proibi-las? Não tem sentido...

O Luzhkov é motivo de piada, e está virando até na Rússia. Além de ser umas das pessoas mais corruptas em todo o mundo. Quem mora em Moscou sabe.

Sem falar na hipocrisia dele em falar que se deve lutar contra isso(paradas gays, etc) da mesma forma que se luta contra o xenofobia e a inimizade entre as nacionalidades(que compões a Rússia, por exemplo), mas ao mesmo tempo que proíbe a parada gay, libera as paradas de partidos neo-nazistas.

Enquento isso, apesar da hipocrisia toda, a Rússia bate recordes em alcoolismo, em número de drogados, em pedofilia, em número de abortos, em infectados com AIDS(SIDA)... etc.


Grande bosta!

Anónimo disse...

Nuno Alves
A "civilização russa" é isso mesmo, um ocidental é que não entende.
Ser russo é ser tradicionalista, moralmente conservador, ortodoxo, nacionalista e às vezes xenófobo, etnocentrista e amante da superioridade cultural e militar do seu povo. A Rússia é isso.
Só 10-15% da população russa são "ocidentófilos", pró-ocidentais e liberais.
José L.

Pedro disse...

Senhor Nuno Alves, Nada disso. Em qualquer parte do mundo esta medida seria apoiada. Mas ao contrário do que afirma, neste blog, a Rússia é que costuma ser o saco de pancada da maioria dos habituais comentadores (Não me refiro ao Autor do blog)

Aldivam disse...

Aqui no Brasil,tem parada gay todos os anos,é uma aberração,os politicos ligados ao PT, adoram isso,a imprensa dá grande destaque,inclusive em novelas(fazendo apologia) com casais homossexuais,e com isso aumentando em grande numero os adeptos gls, que são cada vez mais jovens,homens e mulheres,outra coisa toda as pessoas que apoiam e acham lindo o filho alheio ser gay,não queriam um na familia!!A Russia está certa tem que proibir!!!

Ítalo Tavares disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Bunchwald disse...

e o Seguinte eu Apoio a decisão Russa.

pois aquio no Brasil nos ultimos anos aumentou e muito o Numero de Gays e isso não e nada bom.

pois a midia ocidental incentiva essa pouca vergonha! e os jovens aqui no Brasil são alienados e comesa a sergir a moda homossexual, patrocinada pela Rede Globo.

por isso eu admiro muito a Russia, diferente de uns 2 aqui no blog que defende esse actos libertinos e imorais.

FG disse...

Não está em causa este problema das "paradas gay" a nível Russo, mas mundial. Portugal implementou a lei dos casamentos homossexuais contra a contade do Povo. O mesmo Povo que botou cruzinha nos votos dos partidos políticos que apoiaram a não referendação dessa lei. É contra a democracia que a vontade do Povo seja negada e desprezada por uma meia dúzia de pacóvios políticos que se têm andado a encher quase há 36 anos nesta pseudo-democracia da treta. Estou com a maioria dos comentadores que estão contra este tipo de festarolas mariconças. Não sou contra essa gente - cada um leva onde gosta e ninguém tem nada a ver com isso -, mas vir para a rua mostrar que gostam de levar no sítio errado, contra natura, é abjecto. E é correcto afirmar-se que a homosexualidade é um desvio da natureza pois só os animais acasalam machos com machos (nunca vi cadelas ou outras fêmeas a darem uma queca), mas se esses desvios não têm cura, porque as hormonas femininas são em maior percentagem que as masculinas nesses corpos, não venham com palhaçadas e festarolas ridículas. Portugal caiu muito baixo, penso até que já não existe fundo para tudo o que de mal aqui existe, desde criminosos de colarinho branco andarem à solta, político julgado com pena de prisão e andar a pavonear-se e a exercer funções autárquicas, corruptos, pedófilos, ladrões, etc., tudo é permitido neste pequeno e pobre país que outrora teve mais dignidade (e não me refiro ao regime fascista que imperou mais de 40 anos e no qual vivi muitos anos).

Anónimo disse...

FG
Apoiado!!!
Fora com o PS do Governo português!
Só tem feito mal ao país! Não sabe governar nem a economia, nem o resto!
Limita-se a dar mais uns tostões aos pobres, como se isso fosse governar!
Ataca a Igreja, não tem respeito pela História, pela nossa cultura, pelas nossas tradições, é um "novo-riquismo" sem valores éticos.
A única coisa que fez de positivo foi desenvolver os serviços do Estado pela Internet. De resto, está a levar o país à ruína.
Fora com ele!

Ítalo Tavares disse...
Este comentário foi removido pelo autor.
Anónimo disse...

Ítalo
Olhe, eu não votei no PS, Deus me livre!
Acontece que as pessoas votam um bocado sem consciência, basta ouvirem dizer que "vão aumentar as reformas", elas nunca se dão ao trabalho de ler os programas dos partidos e pensar. Para além disso, o PS escondeu até às eleições que tencionava legalizar o casamento gay.
É caso para dizer que muita gente comprou gato por lebre!

Anónimo disse...

Só tem pró-socialistas comentando.

è estranho vcs utilizam uma ferramenta de criação ocidental para elogiar o comunismo..

que gentinha falsa...