segunda-feira, novembro 08, 2010

Dmitri Medvedev considera que jornalistas devem ser melhor protegidos pelo Estado

O Presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, defendeu hoje que os jornalistas devem ser melhor protegidos pelo Estado do que os representantes de outras profissões.
“O Estado deve seguir muito atentamente o trabalho dos jornalistas e tomar as decisões necessárias quando é atingida a sua integridade física, a sua saúde e a sua vida, isto em maior medida do que noutros casos, tendo em conta a importância social do trabalho dos jornalistas”, declarou, numa conversa com a redação do diário Rossiiskaia gazeta.
“O nível de criminalidade no nosso país ainda é muito alto e existem forças que consideram que podem calar a voz de qualquer pessoa, jornalista, político, com semelhantes métodos”, sublinhou.
O jornalista, observador político e «blogger» do diário russo Kommersant Oleg Kachin foi violentemente espancado no sábado à noite por dois indivíduos perto da sua residência. Está internado em estado grave.
Os colegas consideraram que a agressão está ligada às reportagens e investigações do jornalista.
No domingo à noite, outro jornalista, Anatoli Adamtchuk, foi também agredido por desconhecidos.
Recentemente, escrevera um artigo sobre a prisão de alunos da escola que se tinham manifestado contra o corte de uma floresta em Jukovski, nos arredores de Moscovo.



2 comentários:

Escritores Inc. disse...

Não é melhor protegidos. É mais bem protegidos. Que pena estas coisas não virem nos dicionários.
Ah, e continuo a achar aquela Eva da publicidade muito indecente.Já está muito frio para se andar nu, não acha?

Jose Milhazes disse...

Caros escritores, obrigado pela chamada de atenção quanto ao português, mas o responsável pela roupa da Eva não sou eu.