terça-feira, julho 19, 2011

Moscovo lança com êxito rádio-telescópio espacial RadioAstron


A agência espacial russa Roskosmos anunciou no dia 18 o lançamento bem sucedido do rádio-telescópio espacial RadioAstron (Spektr-R) a bordo do foguetão Zenit-2SB a partir do Baikonur, cosmódromo que a Rússia aluga no território do Cazaquistão.

Um porta-voz da Roskosmos confirmou à agência Ria-Novosti que o rádio-telescópio se separou do foguetão à hora prevista.

Construído pelo grupo aeroespacial NPO Lavotchkin, em cooperação com o centro AstroEspaço do Instituto de Física Lebedev, o rádio-telescópio espacial RadioAstron vai realizar observações de diversos objetos celestes através de interferometria de banda larga, juntamente com uma série de rádio-telescópios terrestres.

O RadioAstron dedicar-se-á ao exame de núcleos de galáxias, buracos negros supermassivos, aceleração de partículas, efeito Faraday, campos magnéticos, raios espaciais e movimento superlumínico.

Os seus equipamentos poderão detetar efeitos cosmológicos, estudar a matéria e a energia obscuras, medir a velocidade de pulsares e examinar a dependência entre as caraterísticas físicas de núcleos de galáxias e o fenómeno de desvio para o vermelho.

O lançamento do RadioAstron ajudará também a Rússia na monitorização da atividade solar  que aumenta e, segundo algumas previsões, até poderá causar certos problemas técnicos em finais de 2012.

O rádio-telescópio terá um prazo de funcionamento mínimo de cinco anos. Segundo o “site” do projeto, a sua órbita terá a inclinação de 51,6 graus, um período de 7-10 dias, apogeu de 350.000-390.000 km, e perigeu de 10.000-70.000 km.

2 comentários:

Zhirinovsky "The Bear" disse...

A Rússia teria que lançar no espaço um canhão á laser para derrubar bombardeiros B-2, para afundar porta-aviões da classe NIMITZ e bombardear os sistemas anti mísseis na República Tcheca e Polonia...

Anónimo disse...

MAIS UMA VEZ OS RUSSOS ESTÃO MOSTRANDO AO MUNDO A SUPERIORIDADE TECNOLÓGICA EM RELAÇÃO AOS AMERICANOS... O RADIOASTRON SERÁ 10.000 VEZES MAIS PODEROSO DO QUE O SEU EQUIVALENTE AMERICANO, O HUBBLE... ELE PODERÁ ENXERGAR ESTRELAS E PLANETAS EXTRASOLARES COM UMA NITIDEZ JAMAIS VISTA ATÉ HOJE... QUEM SABE, DESCOBRIR PLANETAS EXTRASOLARES SEMELHANTES À TERRA ESCONDIDOS NAS PROFUNDEZAS DO UNIVERSO!!! VIVA OS ESLAVOS!!!!!!!