domingo, março 16, 2008

O PARQUE JURÁSSICO DO COMUNISMO

O Olev e a Marta Sofia vieram fazer-me uma visita a Moscovo e, como acontece sempre que alguém cá vem, faço, com muito agrado, de cicerone. Aqui ficam algumas fotos minhas e deles do "Parque Jurássico do Comunismo", jardim onde foram concentradas estátuas e monumentos de outros tempos.
Paz à Terra


Felix Dzerjinski, fundador da TCHEKA-NKVD-KGB


O carrasco e as vítimas


Brejnev e tudo o que resta da URSS

Lénine, Estaline e a sua herança

2 comentários:

Almir disse...

Milhazes,
Do jeito que as coisas vão, logo logo devolvem Felix ao canteiro da Lubyanka... e se duvidares, até a praça voltará a se chamar Dzerzhinskaya!
No dia em que o puseram abaixo de seu pedestal com guindaste, estive lá a acompanhar toda a controvérsia popular... eram outros tempos!

Jose Milhazes disse...

Caro Almir, eu assisti à retirada da estátua de Dzerjinski. Tem razão, eram outros tempos... Muita esperança...