terça-feira, fevereiro 10, 2009

Dirigentes ucranianos voltam a "trocar galhardetes"


A primeira-ministra Iúlia Timochenko não estava habilitada a tomar decisões no quadro dos acordos gasíferos com a Rússia, declarou hoje Victor Iuschenko, numa reunião do Conselho de Segurança e Defesa Nacional da Ucrânia.
"A primeira-ministra não cumpriu as directivas. Ela não tinha poderes para tomar as decisões que tomou no quadro dos acordos gasíferos", sublinhou Iuschenko, presidente da Ucrânia, dirigindo-se a Timochenko.
O Presidente ucraniano considerou que o compromisso tomado pela Ucrânia de comprar anualmente à Rússia 50 mil milhões de metros cúbicos de gás durante dez anos é "o mais ameaçador para o país", explicando que a Ucrânia não terá capacidade de consumir tanto gás.
Iuschenko comparou o acto ao pacto Ribbentrop-Molotov, acordo que dividiu a Polónia, parte da Ucrânia e da Bielorrússia entre a União Soviética e a Alemanha em 1939, as conversações entre Timochenko e o seu homólogo russo, Vladimir Putin, com vista a receber um empréstimo do Kremlin no valor de cinco mil milhões de dólares.
Quanto às acusações de Timochenko de que Iuschenko e membros da sua família estão ligados a negócios corruptos de importação de gás russo, o Presidente respondeu com dureza: "Estou farto de ouvir isso. Nunca me dediquei ao seu gás mal cheiroso. Já disse isso várias vezes".
"Dirijo-me às pessoas: é preciso cuspir nos ecrãs depois de ouvir as mentiras com que embalam a Ucrânia", disparou Timochenko.
"Nenhuma palavra do Presidente corresponde à verdade. Nem sobre os contratos do gás, nem sobre o empréstimo", declarou Timochenko no fim da reunião.

3 comentários:

Anónimo disse...

a iulia é uma bela mulher e sexy.

Maquiavel disse...

... lembro-me da afirmaçäo de que o acordo gasífero conseguido pela Julia era uma derrota para o Partido das regiöes (pró-russo)...

... este dois, säo piores que os velhos dos Marretas! :D

Jose Milhazes disse...

Caro Maquiavel, também já ouvi essa tese, porque o Kremlin passou a apostar na Iúlia Timochenko. Aposta muito arriscada. Não era Camões que dizia que "olhos verdes são traidores"?