quinta-feira, março 26, 2009

Pedido aos leitores

Caros leitores, a minha paciência está a esgotar-se no que diz respeito a certos comentários descabidos, insultuosos, racistas, etc.,etc.
Eu gostaria que este blog fosse um lugar onde se discutisse de forma séria, acesa, mas leal. É isso que tenho tentado fazer. Eu escrevo não para convencer o mundo ou mostrar que tenho razão, mas para provocar ums discussão que traga ideias novas.
Porém, há pessoas que têm outros objectivos e a essas peço que deixem de ler este blog, criem o seu e digam o que quiserem. Não estraguem o trabalho dos outros, tanto mais escondendo-se por detrás do anonimato.
Eu não vou desistir e continuarei até ter algo a dizer, sem nunca insultar quem quer que seja. Peço aos leitores que escrevem comentários que façam o mesmo. Tenho pouco tempo para analisar todos os comentários e limpar os insultuosos, mas se as coisas continuarem assim, só irei publicar os comentários que achar por bem.

61 comentários:

Quem sabe, sabe... disse...

Tem toda a razão. Há quem só saiba difamar e insultar quem ousa ter opinião diferente. O seu blog tem tido leitores que não pertencem aqui. A primeira limpeza já foi feita. Agora a ver se a segunda resulta e isto se torna um espaço livre e civilizado como foi no início.
Saudações:
QSS

PortuguesePerson disse...

Caro José Milhazes,

enviei um mail para si.

PortuguesePerson disse...

Caro José Milhazes,

enviei um mail para si.

Francisco disse...

De acordo
Há mais tempo que devia ter sido tomada esta decisão. Na medida em que alguns participantes se afastam do que é aceitável num debate de ideias culta e civilizado. Usando o insulto e provocações grosseiras.
Eu próprio já aqui fui insultado.
Podemos não partilhar nem as opiniões, nem as convicções dos demais, no entanto acho que devemos ser contidos nas palavras que empregamos. Por mais acalorado que seja o debate não encontro razões para se usarem termos vernáculos nem insinuações provocatórias para impor os nossos pontos de vista. Talvez até seja uma forma muito sincera de revelar a gramática em que aprenderam
O poeta Aleixo (semi-analfabeto) dizia que cada um é o produto do meio onde é criado. Teria razão?
Cin.naroda

Afonso Henriques disse...

Realmente, eu tenho uma grande lata em dizer isto mas...

ó Milhazes, é mesmo deplorável a situação a "que chegamos" em que a moderação parece ser mesmo a única alterativa.

Mas devo também dizer, embora evidentemente não seja justificável de qualquer maneira, que isto começou devido a uma injusta e imparcial "moderação" da sua parte.

No entanto, e vendo o ridículo da situação garanto-lhe que vou deixar de andar por aqui a fazer de troll. Não quer dizer que não vá responder com má educação a quem é mal educado. Mas a partir de agora só serei mal educado nessa situação.

Desculpe lá qualquer coisa. É triste... eu sei.

Anónimo disse...

ó senhor jornalista então não sabe que aqui quem falhou foi o moderador...

o sr. está sempre pronto a eliminar e criticar comentários dos chamados "racistas" mas quando comentários violentissimos são feitos por 1 anormal cá do sitio( chamado Mucio não sei do que) então nada faz e não diz nada.

Se for honesto e ler todos os comentários vai ver que algumas pessoas só escrevem aqui para ofender e diminuir pessoalmente quem tem determinado tipo de opiniões e isso sim é inaceitavel.

o sr. como jornalista devia saber que cada individuo tem direito a pensar e escrever livremente, ou não?.

eu sou nacionalista e tenho orgulho na minha raça que é branca, defendo a continuidade da minha raça e não lhe admito que me apelide de racista porque não lhe reconheço legitimidade moral nenhuma. O sr. representa bem a geração dos meus país, os chamados "papa utopias" e agora quem está a sofrer com isso são as novas gerações, mas existem limites para o absurdo, o sr. não julgue que as coisas não podem mudar drásticamente..

por último sugiro que releia os comentários com o minimo imparcialidade e critique quem tiver de criticar, mas seja justo.

fico feliz por saber que no país ainda existem pessoas de valor como o afonso, pippo e mais alguns, apesar de não concordar com tudo o que foi dito por eles.
pena que sejam tão poucos.


imperador

Anónimo disse...

Muito simples: submeta os comentários a uma análise prévia antes da publicação. A internet é esse fenômeno descontrolado que todos conhecem. Se você não tiver paciência, então talvez seja até melhor suprimir os comentários do blog.

Afonso Henriques disse...

Imperador, não é que sejamos poucos, não concordamos é muito uns com uns outros. Se houvesse uma base que se focasse apenas nos pontos mais básicos mas sólidos - e repare que enquanto identificar os pontos básicos é fácil, estender alicerces sólidos é difícil e será sempre muito impopular - o "nosso" número seria uma força a ter em conta.

E a propósito, e as declaralções do Lula?
O Lula é branco? lol, já ouvi uns Ingleses a dizerem que sim e outros a dizerem que não... eu não sei... o que sei é que esses comentários o Milhazes e outros decerto não condenam. Se fosse ao contrário, já teria caído o carmo e a trindade.

Imagine-se um homem com olhos azuis a dizer que a massa populacional de olhos castanhos é responsável pelas maleitas do mundo e deve pagar por isso?

Enfim. E eu tenho olhos castanhos, tenho.

Anónimo disse...

Senhor José Milhazes, fazes bem em monitorar o lixo que as vezes cisma em aparecer em blogs de qualidade como o seu,penso que precises de auxílio na tarefa da limpeza, caso contrário o seu tempo ficará escasso para tu escreveres.
Com estima e consideração aqui do Brasil.
Wilson Roberto Nogueira

Anónimo disse...

cavalheiros,

o sr. milhazes é contra a censura, por isso, esqueçam a ideia.. vão pregar para outro lado

Anónimo disse...

sr milhazes, espero bem que o sr. não ceda a pressões no sentido de cortar comentários, o sr. é um exemplo de respeito pela liberdade de opinião, independentemente dos seus ideiais politicos que são diferentes(e muito) dos meus.

e já agora, parabens pelo seu trabalho jornalistico.

bruno.

Wandard disse...

Sr. Milhazes,

A liberdade de expressão é um dos maiores direitos conquistados pelo homem moderno, porém como reza a cartilha a liberdade de um termina quando começa a de outro. Os países chamados "civilizados e desenvolvidos", costumam propagar o seu nível de educação e respeito aos direitos humanos, como sendo um dos principais baluartes do seu processo de desenvolvimento e equilíbrio social, além do econômico. Concordo plenamente que determinados tipos de comentários, formas de tratamento depreciativas e insultos de qualquer natureza seja a quem for, não devem fazer parte do conteúdo deste blog.

Abraço,

Anónimo disse...

"eu sou nacionalista e tenho orgulho na minha raça que é branca, defendo a continuidade da minha raça "

Esse tipo de comentário deve ser barrado, censurado e impedido de circular, sim.

Esse tipo de animal tem de ser anjaulado e punido com as regras o mundo civilizado.

Racistas, quaisquer que sejam eles, de qualquer etnia (VISTO QUE RAÇA N EXISTE), devem ser punidos e combatidos, SEMPRE.


Ass: Ítalo

Anónimo disse...

a "raça" humana é uma só raça, criada por Deus, cujo fim é a fraternidade universal e a busca por oportunidades iguais para todos.

Viva Portugal, via o Brasil, viva a África.

Comentários como esse desse racista "imperador", seriam passíveis de um belo processo judicial aqui no Brasil.

é.. meu País tem muitos defeitos (e admito isso), mas pelo menos, racista, aqui, VAI PRESO.

Gilberto Mucio disse...

É uma situação disconfortável para o sr. José Milhazes, por isso vou evitar dar corda para os foristas racistas, em especial aos portugas(que são minoria, óbvio).

Sou contrário a apagar posts, mas entendo se o Milhazes tiver de faze-lo em nome do bom andamento do blog.

MAs creio que não será necessário.

E particularmente não me ofendo com as tentativas de ofensas, na verdade até acho graça e, como sou gozador, acabo dando corda. Ma vou evitar. =P

Anónimo disse...

eis alguns poderosos argumentos dos chamados iluminados da verdade e detentores da moralidade do mundo contemporaneo....

argumento nº1:

"é.. meu País tem muitos defeitos (e admito isso), mas pelo menos, racista, aqui, VAI PRESO"

argumento nº2:

"Comentários como esse desse racista "imperador", seriam passíveis de um belo processo judicial aqui no Brasil."

argumento nº3:

"a "raça" humana é uma só raça, criada por Deus"

argumento nº4

"Racistas, quaisquer que sejam eles, de qualquer etnia devem ser punidos e combatidos, SEMPRE"

argumento nº4

(VISTO QUE RAÇA N EXISTE)

argumento nº5

"Esse tipo de animal tem de ser anjaulado e punido com as regras o mundo civilizado"

___
a minha frase é esta, toda a gente é racista, os cobardes são aqueles que não o admitem e não o contrário..
____
racismo não é nada de doentio e maléfico, dizer isso é ser demagogo, o racismo não está ligado ao moralismo, nós somos mamiferos e nada que possa ser dito vai mudar isso.

daqui a nada ainda me dizem que a terra é quadrada só porque o presidente do brasil assim o diz...

imperador.

Anónimo disse...

o mais irônico é portuga lavantando a bandeira White Power...portugues é dos mais mestiços da Europa..corte um portuga que sai um negão!...portuga, vai pros States e pede pra te classificarem! Lá vão te chamar de chicano, latino...

Ninja disse...

"Eu sou nacionalista e tenho orgulho na minha raça que é branca, defendo a continuidade da minha raça"

Eu também sou Português e nacionalista, mas nacionalismo não tem nada haver com raças, conheço muitos pretos que já fizeram mais pelo país que muitos brancos que se dizem nacionalistas. Desde quando para demonstrar o meu amor por Portugal tennho de rapar o cabelo, fazer tatuagens, praticar musculação, adorar os Alemães e odiar as outras raças?

Sérgio disse...

O Sabe sabe revela uma desfaçatez e uma hipocrisia a toda a prova. Os meus parabens ao sr. Sabe sabe, que Deus o guarde assim por muitos anos.

Afonso Henriques disse...

"o sr. milhazes é contra a censura, por isso, esqueçam a ideia.. vão pregar para outro lado"

Nota-se!!!
Não só ele censura alguns dos comentários que aqui são expostos como - mais gravoso ainda, os seus posts são já uma censura, postando ele não as notícias que dispões mas apenas aquelas que quer para poder dar uma certa imagem da Rússia.

O senhor Milhazes é, mais que um mero Socialista, um Comunista de linha dura e como tal é evidente que é a favor da censura.
O pior é que dos vários tipos de censura que existem, Milhazes é a favor da mais desprezível, aquela que é usada para manter os outros na ignorância e ignorar a realidade para aprazer aos seus desígnios ideológicos.

Afonso Henriques disse...

Repare-se como este Brasileirinhozinho de merda de nome Ítalo trata um Português num blogue Português:

""eu sou nacionalista e tenho orgulho na minha raça que é branca, defendo a continuidade da minha raça "

Esse tipo de comentário deve ser barrado, censurado e impedido de circular, sim.

Esse tipo de animal tem de ser anjaulado e punido com as regras o mundo civilizado."

O primeiro comentador não falou de racismo, apenas da necessidade de defender a sua raça de maneira a que ele, os seus antepassados e os seus descendentes possam continuas a existir perpétuamente em toda a sua plenitude e o merdas deste brasileirosinho, escumalha de escumalha, diz logo que não, e que se levanta contra e que deve ser enjaulado, inclusivé chamando-o de animal.

Filho, vem cá para Portugal e vem me dizer isso a mim a ver o que te acontece.

Afonso Henriques disse...

P.S. - O teu lugar é aí no terceiro mundo. E para não poluíres ainda mais o Brasil, o melhor é ires mesmo para uma reserva índia lá para o meio da Amazónia...

isto se encontrares uma tribo que tenha os mesmos baixos padrões morais que tu, Ítaro, e te aceite. Mas eu não tenho os índios em tão baixe estima, portanto...

Afonso Henriques disse...

"daqui a nada ainda me dizem que a terra é quadrada só porque o presidente do brasil assim o diz..."

Óptimo post imperador, e espero que continue por aqui na minha ausência para travar a "degeneração" Nacional, que não é nada mais que Nacionalismo e inclusivé Imperialismo Brasileiro.

... eles sabem muito, esses sacanas...

Afonso Henriques disse...

"Eu também sou Português e nacionalista, mas nacionalismo não tem nada haver com raças, conheço muitos pretos que já fizeram mais pelo país que muitos brancos que se dizem nacionalistas."

Falso. Se o Nacionalismo não tem nada a ver com raças, não tem. Mas, dado que temos uma Nação e que "somos" Nacionalistas, temos é defender essa Nação. E a nossa Nação, como todas as outras, é composta por membros de uma raça que é a Caucasiana/Indo-Europeia/Ariana/Europeia. Portanto, se não formos estúpidos devemos defender a nossa raça. Caso contrário não seremos Nacionalistas coerentes. Para mais tendo em conta que Portugal se insere no quadro da Civilização Europeia, e que com esta civilização partilha entre outras coisas, a raça. De facto, Portugal, por estar numa posição menos priveligiada, tem tradicionalmente levado a questão da protecção da raça mais a peito que outras regiões mais protegidas devido ao facto de que Portugal, por se situar num extremo da Europa, terá uma "qualidade racial" inferior á média Europeia, se nos preocupamos então em defender a raça Europeia.
Não obstante, e devido ás invasões que Portugal tem sofrido, tanto a sua "pureza racial" como a importância Tradicionalmente legada á "questão da raça" são notáveis.

Quantos aos "pretos que já fizeram mais por Portugal" é verdade que existem e, se são homens dignos, merecem todo o nosso maior respeito e consideração. Mas isso não faz deles Portugueses nem justifica uma eventual "degeneração" de Portugal.
De facto, se o senhor fosse um verdadeiro Nacionalista em vez de uma fraude enquanto "Nacionalista", saberia que durante a História de Portugal no século XIX, tirando D. Miguel, poucos fizeram mais por Portugal que o duque de Wellington e muitos fizeram muito, mas mesmo muito por Portugal.
E agora, é por isso que o Duque de Wellington é Português? É menos Inglês? Evidentemente que não, portanto o seu estúpido argumento é aqui rebatido em todas as dimensões.

O senhor não é um Nacionalista, é um "estadista". Você não se interessa pelo Portugal orgânico mas apenas pelo conceito de um Estado Português, seja isso o que for, e não importando o que é esse estado nem quanto esse estado e anti-Portugal.


"Desde quando para demonstrar o meu amor por Portugal tennho de rapar o cabelo, fazer tatuagens, praticar musculação, adorar os Alemães e odiar as outras raças?"

Isso não é Nacionalismo. Isso é uma manifestação de "cultura underground" (como a cultura rapper) cujos elementos estão sobrerepresentados no Nacionalismo. Também porque nessa "cultura underground" ser-se Nacionalista ou dizer-se Nacionalista ou crêr-es Nacionalista é visto com bons olhos.

Mas o senhor não se creia muito diferente pois o seu estadismo é tal que decerto adoraria um qualquer Estado, fosse onde fosse e com quem fosse, independentemente da sua cultura e religião. Isto desde que o Estado se chamasse "Portugal".

Boa noite.

Anónimo disse...

ninja não diga que é nacionalista porque ofende quem o é defacto.

o ultimo comentário que o afonso fez acerca do "nacionalismo" do ninja identifica bem as contradições da maioria dos nacionalistas portugueses.

(o karaté/ninja kid, devia saber que a alemanha ainda não existia já tinham sido criadas leis para preservar o sangue ariano europeu)

vai la ler mais livrinhos e depois vem falar..

para falar deste assunto é preciso compreender o que é um português.

Para mim, e para muitos outros, ser português é ser descendente dos povos originais no acto da fundação da nação.
Os estudos genéticos(isentos) provam que na actualidade um português tem a esmagadora maioria dos seus genes provenientes dos "colonos" fundadores.

A nacionalidade não é um bem transacionavel ou pelo menos, não devia ser..
Aqueles que trabalham no país e são estrangeiros devem ser tratados dignamente, só temos a ganhar com a imigração, sobretudo com uma imigração de retorno, um verdadeiro nacionalista NUNCA encara como inimigo os imigrantes, um verdadeiro nacionalista luta contra aqueles que pretendem destruir a nação e uma forma de o fazer é através da imigração descontrolada. Quem trata mal os imigrantes é um debil mental que só envergonha o seu povo.

Recentemente, o governo português alterou a lei de imigração possibilitando a naturalização a quem não tem sangue português.. quem criou e aprovou esta lei é para mim um traidor e inimigo do povo, são estes e não os imigrantes o inimigo.

qual era o problema de definir uma diferenciação na nacionalidade??
Não me opunha a que os estrangeiros tivessem acesso a todos os direitos e deveres(incluindo votar).. mas não, isso seria politicamente incorrecto, os politicos portuguêses preferem terminar com 1000 anos de coesão nacional!!

um bom exemplo de alteração demográfica são os EUA

os EUA quem em 1960 eram um país com 90% da população branca, alteraram a lei da imigração em 1965 e a partir dessa data as cotas(que preveligiavam a imigração europeia) foram abolidas, o resultado foi que actualmente o país é 64% branco e brevemente deixará de o ser.

tanta foi a alegria quando o obama ganhou as eleições, com 43% dos votos dos brancos nos EUA, falta refletir se esta vitória seria possivel se os brancos nos EUA ainda fossem 90% da população e quase 100% do voto eleitoral..

a lei de imigração foi alterada graças ao poderoso loby judeu que planeou e executou a alteração demográfica na américa de mofdo a que uma américa mais diversificada era um porto seguro para os judeus.

o que aconteceu nos EUA é um alerta à europa, no entanto, o que aconteceu nos EUA até poderemos aceitar, isto é, lamentamos mas aceitamos, o mesmo já não é aceitavel na europa porque nós(brancos) temos a legitimidade de reevindicar esta terra como nossa, porque somos os originais ocupantes desta terra.

alguem aqui no blogue falou que os japoneses e coreanos são tolerantes aos estrangeiros, eu até me ria dessa afirmação se não estivesse tão frustado e sobretudo triste com o que estão a fazer em portugal e na europa.

espero que os meus honrados compatriotas, afonso, luis e muitos outros não desistam de lutar por o que nosso por direito!

imperador.

Anónimo disse...

Sieg Heil!

Afonso Henriques disse...

"só temos a ganhar com a imigração, sobretudo com uma imigração de retorno, um verdadeiro nacionalista NUNCA encara como inimigo os imigrantes, um verdadeiro nacionalista luta contra aqueles que pretendem destruir a nação e uma forma de o fazer é através da imigração descontrolada. Quem trata mal os imigrantes é um debil mental que só envergonha o seu povo."

Grande lucidez, imperador.
E digo até que a forma mais fácil de destruir a Nação é através da imigração que se assiste nestes dias (olhem para a Selecção!).

E, se é bem verdade que "só temos a ganhar com a imigração", isto passa-se numa sociedade normal.
Nesta nossa sociedade demente, a imigração é usada como nada mais que uma arma contra Portugal, e contra a Europa (e exactamente pelos Estados que os correspondem, quer seja aquela estranha entidade chamada União Europeia, quer seja este estado Marxistó-Maçon em que vivemos e lhe dão o nome de "(III) República Portuguesa").

Agora, também tenho de confessar que por vezes sou forçado a por algumas minorias étnicas no lugar, e faço-o sem exitar se passarem de um determinado ponto, como faria com qualquer Português (desde que não sejam mais e maiores que eu :) ).

Mas por outro lado, de vez em quando tenho certas dúvidas. Por exemplo, num andar aqui, num apartamento com três quartos vivem 13 ciganos romenos ilegais.
Eu sou contra a estadia de tais indíviduos neste país, mas não os denuncio porque eles não são menos que os outros e, ao denunciar estes entram mais cinco familias da mesma maneira; enfim...

O problema aqui não são os ciganitos, mas a porca da dona da casa que, não sei porquê, mas não me estranha, já ficou com a próxima geração Africanizada.

Sinceramente, as ciganitas merecem o meu respeito, agora, com a dona da casa, dou-me relativamente bem mas apenas de fachada.
É que apesar de ter um filho de cinco anos, não me pode apanhar no elevador que faz cá uns avanços...
uma porca lastimável.

Anónimo disse...

Afonso, que diabo, aproveite e divirta-se!

Anónimo disse...

Afonso Henriques disse...

" P.S. - O teu lugar é aí no terceiro mundo. E para não poluíres ainda mais o Brasil, o melhor é ires mesmo para uma reserva índia lá para o meio da Amazónia..."


Pobre coitado. Além de racista, gosta de ameaçar as pessoas com agressões gratuitas...

Vc é um pobre coitado. O povo português n combina com teu pensamento.

Repito: Pra vc, as penas da lei, e as regras do mundo civilizado.



quem entra no blog pra pregar racismo, deve ser barrado sim.

e ponto final, ADOLF HITLER MARRANO...

Anónimo disse...

Ah, Afonso Henriques!

O paiseco de terceiro mundo a que se refere é a oitava economia do mundo, com um PIB de mais de 2,5 TRILHÕES de dólares.

Em 2050, seremos a 4 economia, com renda per capta MAIOR que a do seu país, e com riqueza menor apenas do que Índia, China e EUA.

Problemas, temos muitos hj em dia... Mas nosso futuro já está traçado.

O de vcs?

SE TORNAREM UMA CATALUNHA. PROVÍNCIA MAIS POBRE DA ESPANHA.

Falou, babaca perdedor e NAZISTA.

Anónimo disse...

além disso, para um povo que tem 11% dos genes SEMITAS, JUDAICOS, OU MOUROS, muito estranho querer se dar ares de ariano...


ESSES MARRANOS com manias de grandeza...

Afonso Henriques disse...

LOL lol lol

"Em 2050, seremos a 4 economia, com renda per capta MAIOR que a do seu país, e com riqueza menor apenas do que Índia, China e EUA."

lol

A anedocta deste Brasileiro lol lol

E depois guinha e ladra... no terceiro mundo deve ser assim.

E filho, 11% de genes mouros e semitas?? 11%?? Hás de me mostrar esse estudo... genes "mouros"??

Anónimo disse...

Pois não, MARRANO metido besta:

http://veja.abril.com.br/241208/p_080.shtml

A herança também é genética

""Judeus e muçulmanos, expulsos da Península Ibérica
no século XV, deixaram um rico legado arquitetônico
e cultural. A influência também está marcada no DNA: um
em cada três portugueses e espanhóis descende de judeus"

Anónimo disse...

Abraço, JUDEU ENVERGONHADO!


Obs: Nada contra o grande povo judeu. Os tenho na maior conta.

Anónimo disse...

O estudo revelou que, em média, os espanhóis e portugueses têm 19,8% de genes de ancestrais judeus sefarditas e 10,6% de ancestrais norte-africanos. Em alguns locais, como o sul de Portugal, a mistura gênica de judeus chegou a 36,3%.


ainda bem que existe a oência pra humilhar certos racistas...

sinto muito, mas na Alemanha e nem na Rússia seria considerado " ariano"..

hehehehehe..

Anónimo disse...

ó babinhas!!

isso é tudo fruto da tua mente doentia e perturbada, por enquanto, os portuguêses no geral são bem arianos..

o babinhas têm cá uma frustação por não ter uma identidade racial que mete nojo aos cães!!

ps:o babinhas é todo aquele brasileiro que tem complexo de inferioridade e pretende que os outros tenham o mesmo estado de espirito.

luis

Afonso Henriques disse...

Brasileiro:

"Judeus e muçulmanos, expulsos da Península Ibérica
no século XV, deixaram um rico legado arquitetônico
e cultural. A influência também está marcada no DNA: um
em cada três portugueses e espanhóis descende de judeus"

Esse estudo já foi rebatido inúmeras vezes. Aliás, segundo os mesmos métodos desse estudo, a Alemanha e a maioria da Europa de Leste, bem como a Áustria e evidentemente a Itália, seriam muito mais Judias que Portugal e Espanha.

Agora não tenho tempo nem paciência para o aturar, tente largar bombas dessas noutros posts e verá que eu lhe responderei á altura, se tiver dúvidas.

Até lá, faça como eu e fique a ouvir Tom Jobim, Caetano Veloso e Roberto Carlos.

Anónimo disse...

OK, JUDEUZÃO!!!!


OS CARAS NEGAM A PRÓPRIA ORIGEM!!!!

KKKKKKKKKKKKKKKKKK


MARRANO ENVERGONHADO!

Wandard disse...

"ps:o babinhas é todo aquele brasileiro que tem complexo de inferioridade e pretende que os outros tenham o mesmo estado de espirito."


Isso é que é babaquice, para não dizer que deve ser algum tipo de complexo.

Vá se curar babaca.

Anónimo disse...

"O estudo revelou que, em média, os espanhóis e portugueses têm 19,8% de genes de ancestrais judeus sefarditas e 10,6% de ancestrais norte-africanos. Em alguns locais, como o sul de Portugal, a mistura gênica de judeus chegou a 36,3%."

É AFONSO, PREFIRO ACREDITAR NO CIENTISTAS, N EM VC...


Os portugueses são meio judeus e meio árabes, sim senhor!!!!

Quero ver vc passear em S. Petersburgo, sem levar umas facadas ao ser confundido com um árabe ou com um armênio...

Valeu, judeuzão!

Anónimo disse...

afonso, concordo ctg, e ainda bem que os portugueses não são todos de olhinhos azuinhos e loirinhos e ainda bem que as mulheres não têm os maxilares da dimensão das nordicas... prefiro muito mais a beleza celtica à nordica
, mas em relação à imagem do home perfeito, ela e universal e matemáticamente precisa.


ó babinhas...

eu por acaso já fiz um teste de adn e sou 100% branco, muitos amigos(portugueses) que tenho tambem fizeram é o resultado foi o mesmo.. adm mitrocondrial e cromossoma y..

não me saiu nada barato, por isso babinhas, não me venhas falar de fabulas porque isso só acredita quem for fraco de espirito como tu.

ficas a saber meu burro que os portuguêses, espanhois e irlandeses são os povos europeus mais homogeneos e os verdadeiros descendentes do homem-europeu.

já que falas em racismo primário, olha..
os nazis consideravam os portuguêses arianos ao contrário dos russos, já nem falo do que eles achavam dos brasileiros....

tchau aì babinhas!!

Anónimo disse...

o tipo e aliança que voçes vêm aqui entre o afonso luis e muitos outros é impossivel em povos misturados..

a nossa aliança é de sangue, impossivel de quebrar, é uma questão de honra algo que voçes não têm.

voçes só nos podem odiar e nunca compreender...

Anónimo disse...

wandard, vç é uma pessoa culta porque eu acompanho os seus comentários, tenho a certeza que compreende que me dirigi apenas a parte dos brasileiros e não a si por exemplo..

Falo contra aqueles que preendem ofender os nacionalistas lusos. recordo-me de ler aqui que o sr. é de origem portuguêsa, por isso, tenho o maior respeito por si.

luis.

Wandard disse...

Luis,

Peço sinceras desculpas pelo que foi dito a você através do meu nick, o que aconteceu foi que estava lendo o blog em um Cyber e acompanhado de alguns colegas, me ausentei por 5 minutos para comprar um café, e um dos engraçadinhos digitou as asneiras , justificando que estavam ofendendo os brasileiros e eu não fazia nada.

Não preciso dizer que ficou um mal estar muito grande, além da vergonha.

Espero que aceite as minhas desculpas e reitero que o respeito é mútuo para consigo e todos os demais amigos e leitores do blog, além do mais não é do meu perfil este tipo de conduta.


Grande abraço,

Anónimo disse...

wandard para mim a sua palavra é suficiente.

pessoas como sr. fazem muita falta na blogosfera, continue a aparecer!

abraço!

luis

Anónimo disse...

PORTUGUESES, CELTAS?


KKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!!!

OK, ASSIM COMO OS MARROQUINOS, JUDEUS E ÁRABES...

VALEU, CRIPTO-JUDEU ENVERGONHADO...

E EU ESTOU POUCO ME LIXANDO PRA O QUE OS NAZIS PENSAM. ELES PERDERAM, SÃO O RESTOLHO DA HISTÓRIA E A VERGONHA DA RAÇA HUMANA.

ASSIM COMO VC, SEU NAZISTA DE SEGUNDA CATEGORIA.

LATINO DE MERDA.

SE TOCA BABACA. GENTE DA SUA LAIA FOI ENFORCADA NA II GUERRA.

E O PRESIDENTE DO PAÍS MAIS PODEROSO HJ EM DIA É MULATO.

BABACA RACISTA. VAM PRA CÁ PRO BRASIL E SAI FALANDO ESSAS BESTEIRAS PRA TDS OUVIREM... TERMINARÁS NA CADEIA. CRIMINOSO DE BOSTA.

dino disse...

os brasileiros t^m o sentimento de inferioridade!
eles são muito esquisitos fisicamente,aqui,quando me cruzo com um escarro para o chão em atitude provocadora.
pessoalmente odeio brasileiros pardos pelas questões que referi num outro post.
tenho mais respeito por um cão que por um brasileiro pardo.
não os considero seres humanos,lamento...

Anónimo disse...

Um povo (o português)que é misturado com negros, judeus, árabes e outros mouros querem dar uma de racistas??????

no mínimo hilário...

E pra que fique sabendo, babaca, é um pardo o presidente do país mais rico e poderoso do mundo...

Não é a toa que a imagem dos portugueses aqui no Brasil sempre foi tão ruim.

Fomos colonizados pela ralé.

Agora te enforca, MARRANO!!!!

Anónimo disse...

e outra.. vc só é macho de falar o que fala aqui no anonimato da internet..

Tenta falar isso aqui no Brasil, babaca. Serás linchado, e aí sim rezarás para que a polícia te prenda.

Porque aqui.. RACISMO É CRIME INAFIANCÁVEL.

Anónimo disse...

ah, e não existe isso de "brasileiro pardo"

Brasileiro é um só...

...e nossa cor é verde e amarelo.

Brasil!!!!

mário disse...

mas aqui em Portugal por enquanto ainda há liberdade de expressão.
aqui em Portugal a maioria dos crimes praticados nas grandes cidades é obra de africanos.é crime afirmar isso?
e desde quando um Português é obrigado a gostar de uma pessoa de outra raça?

luis disse...

esses otários anónimos que não venham ao meu País.
já temos muito lixo oriundo desse paiseco de caca.

Anónimo disse...

1. português n é raça. Se português fosse raça, seriam primos dos argelinos, marroquinos e judeus (povos que admiro, nada contra..).

2. 1,4 milhão de portugueses moram aqui no Brasil. Aqui vivem muito mais portugueses que brasileiros em portugal.

3. N tenho nada a ver com os africanos que povoam seu país. Vcs os escravizaram durante 500 anos. Aguentem as consequências. Se virem!

Anónimo disse...

parem para refletir no que estão a dizer.

o brasil é um país muito grande e ainda é, e sublinho AINDA o 3ºpaís do mundo com a maior população branca, logo a seguir aos EUA e rússia.

cá em portugal os emigrantes brasileiros brancos, cristãos e com bom nivel académico são bem vistos pela sociedade portuguêsa.

ainda à poucas horas tive uma reunião com colegas brasileiros e só tenho a dizer bem, são educados, sofisticados, cultos.

agora voçes que criticam os portugueses deviam compreender que deste lado do atlantico existe o receio de uma invasão demográfica.

o brasil tem 200 milhões e portugal 11 milhões.

nós não queremos que portugal se transforme etnicamente.
a esmagadora maioria dos portugueses ama o brasil e defende os interesses do brasil.

voçes deviam fazer o mesmo e seria até do vosso interesse que a vossa pátria mãe não fosse destruida. Ao fim ao cabo por enquanto ainda cá estão a morar os vossos antepassados e se formos substituidos ficam cá neste rectangulo à beira mar plantado "outros" que nada têma ver com voçes, sejam eles africanos asiáticos arabes etc etc.

eu fico pasmado ao ver alguns brasileiros a falar mal da imigração portuguesa, isos é um grande erro.

para o brasil foram mais de 3 milhões de portugueses ao longo de 500 anos, foram eles os criadores da vossa pátria e a imigração lusa foi praticamente toda do norte de portugal, o que significa que se não fossem ignorantes, saberiam que o norte de portugal é uma zona muito homogenea.

os brasil tem 50% da população branca
os mestiços são 40% e mesmo estes têm a maioria dos genes provenientes da europa.

mas pelos vistos, os brasileiros preferem valorizar as raizes africanas e amerindias que são a minoria da população e genes e em quase nada contribuiram para a fundação do estado brasilerio.

e por amor de deus! parem de usar o argumento que portugues nao pode falar em defesa dsa sua raça, porque é misturado.. isso é um argumento infantil e mentiroso.
não é preciso iventar mentiras para defender uma posição.

para aqueles que não gostam dos portugueses no brasil, existe uma solução...

epa mudar de país.

porque

o brasil é a continuidade de portugal na américa latina, apesar das tentativas de criar uma identidade diferene(o que é perigoso)

lingua, festas religiosas, nomes de localidades, nomes das pessoas, religião, carnaval, festas tradicionais, lendas, conceito de familia, codigo civil, a nivel cultura teve tudo inicio em portugal.

já para não falar a nivel territorial e povo.
voçes sabem muito bem que as fronteiras do brasil são identicas às de 1822 e tambem as cidades foram quase todas fundadas por portugueses, já para não falar do povo brasileiro cujos génes são maioritariamente portugueses.

então qual é a vossa?

estão loucos? vão lutar contra as vossas origens.

o brasil é um país especial na américa latina com caracteristicas unicas e dizerem essas parvoiçes só vos fica mal e no fundo saimos todos prejudicados, voçes aí e nós cá..

entendam de uma vez os nossos receios.

cumprimentos lusos

vicent

Anónimo disse...

VICENT,

Vc está coberto de razão ao defender seu ponto de vista.

Quando vc fala na tentativa de destruir a herança lusa no Brasil, eu assino em baixo. Hoje no Brasil, os brancos e mestiços de genes características em sua maioria européias são perseguidos e praticamente obrigados a abraçarem identidades com as quais não se identificam, como a matriz africana e ameríndia. Caso n saiba, o governo esquerdista do Lula da Silva quer obrigar os mestiços a serem classificados como africanos (mesmo aqueles que tem sangue indígena e europeu mais evidentes), no censo brasileiro, de forma a agradar grupos de afro-brasileiros(eles mesmos mestiços também,mesmo que não queiram) que não aceitam a influência européia (maioritária) sobre a populaçao.

Os brasileiros de sangue índio, mas com sangue majoritariamente europeu, são também quase que obrigados a se declararem "pardos", e como tais, são catalogados como "negros", pelo governo safado.

A maioria dos pardos brasileiros são fisicamente e genéticamente mais europeus que ameríndios ou negros.

50% (100 milhões) da população brasileira é branca, e os 42% (80 milhões) dos mestiços são em sua maioria FENOTIPICAMENTE e geneticamente mais europeus, e se identificam como brancos.


Não tenho nada contra a herança africana e índia no país, que foi importantíssima e que muito nos orgulha. O sangue a a cultura indígena e africana tb foi muito importante.O Brasil tem a característica européia como a mais importante. Não devemos e n iremos desprezá-la, e temos orgulho de TODOS os povos que aqui vieram contribuir.

Só uma correção: na verdade 5,5 milhões de de portugueses vieram pra cá desde 1500 até hoje.

O segundo maior grupo foram os negros e italianos, cada um com 2,5 milhões de pessoas.

O terceiro maior grupo foram os alemães, espanhóis, árabes, cada qual com 600 mil pessoas.

Os índios eram 2 milhões e foram incorporados pouco a pouco ao se misturarem com colonos portugueses e outros povos do país.


Vejo Portugal como uma pátria-mãe, mais que qualquer outra, isso é o que importa, e os portugueses como um povo irmão, assim como os galegos.

Um abraço. Espero que , ao lembrarem do Brasil sempre pensem nos escritores, cientistas, educadores, poetas e grandes homens. Esqueçam as favelas e os criminosos. Eles não representam o Brasil. E serão vencidos.


A maior herança foi a portuguesa. Isso ninguém poderá tirar de vcs.

Um grande braço aos irmãos lusos.

Anónimo disse...

E, só pra terminar, é claro que n queremos que o vosso país se transforme culturalmente. Sua cultura (que tb é a mesma nossa em grande parte), n vai morrer porque uns imigrantes a mais estão indo trabalhar por aí. Os imigrantes em Portugal nada mais são que 4% da populaçao. Sejam tolerantes. Lembrem-se de quando vcs eram os emigrados. além do mais, se somos povos irmãos, que mal fazem brasileiros honestos vivendo no seu país? 1,2 milhoes de portugueses vivem aqui e sao tratados como brasileiros. Temos a mesma língua, somos cristãos, temos a mesma base cultural. Por que o ódio mútuo?

Um abraço ã todos os portugueses, tudo de bom a todos.


n se preocupe com isso.

Anónimo disse...

"cá em portugal os emigrantes brasileiros brancos, cristãos e com bom nivel académico são bem vistos pela sociedade portuguêsa."


Quem tem que ser bem visto é o homem de bem, independente da cor da pele.

Bandido é bandido, independente da origem étnica.

Anónimo disse...

ah, faltaram os 210 mil japoneses , que muito contribuíram com o nosso país.

O Comandante da Aeronáutica, Juniti Saito, é descendente de japoneses.

Anónimo disse...

para o anónimo ou anónimos amigos brasileiros só digo que como povos unidos pelo sangue é obvio que nós os portugueses gostamos de receber os brasileiros e a nivel pessoal só tenho a dizer bem dos cidadãos brasileiros.

De qualquer forma, tudo se resume á matemática e essa ciência é cruel meus caros.

os casais portugueses nativos estão a ter uma média de 1.3 filhos e apesar dos imigrantes serem cá 5% da população, num futuro próximo eles serão uma percentagem muito superior visto terem taxas de crescimento superiores.

de qualquer forma a principal "ameaça" ao equilibrio étnico em portugal não são os brasileiros visto serem mais parecidos aos portugueses culturalmente, o receio é que os imigrantes africanos e asiáticos coloquem em causa esse equilibrio, visto serem cultural, racial e etnicamente muito diferentes.

imaginem que os actuais 200 milhões de brasileiros começavam a diminuir demograficamente e a imigração latina da colombia, peru bolivia etc "invadia" as cidades brasileiras descaracterizando a cultura e a IDENTIDADE do país... eu não ia gostar que isso acontecesse ao brasil, ficaria bastante triste com isso, é por isso que cá os nacionalistas gostariam de ter mais apoio da vossa parte.

de qualquer forma espero que estas discussões sirvam para nos unir e não para nos separar.

respeitosos cumprimentos!

vicente.

Anónimo disse...

Mas é de facto muito atrevimento dos primatas de Vera Cruz virem degurgitar lixo falso sobre Portugal, assim se vê o complexo de inferioridade desses individuos recalcados, o mesmo acontece com os espanhois em relação aos mexicanos, etc..
Os brasileiros não se querem sentir sós na sua falta de identidade etnica e cultural... temos pena, mas PORTUGAL sempre foi homogeneo etnicamente, e somos e sempre fomos descendentes de tribos indo-europeias, principalmente celtas sim como indiciam os estudos genéticos, também iberos, visigodos, romanos, gregos, suevos...

E de facto a influência moura e judia é residual em Portugal e em Espanha e nunca alterou o nosso fenótipo ou genótipo racial por muito que isto doa aos brasileiros... Cada vez mais percebo que os povos europeus têm que manter a sua identidade indo-europeia e evitar misturas com extra europeus e sobretudo com recalcadinhos do 3º mundo.


Por isso é que mais uma vez cá está:

A questão central a respeito da origem populacional dos portugueses é que, mesmo que tivessem sido estas minorias mouriscas e judias em percentagem importante, (como refere o Ariano que eram milhares e milhares, o que é ridiculo em todos os sentidos) tal não alteraria, como não alterou, as características do espectro démico português.
Wikipédia


http://www.youtube.com/watch?v=pu_BHid_LCM



Portugal aos portugueseSS

Anónimo disse...

Olhem, não sou racista, mas é meio ridiculo ver portugueses fazendo papel de Nazi-Fascistas. Os portugueses tem altíssimo percentual de sangue mouro,judeu e africano, aliás, no século XVI mais de 30% da população do país era africana.

Vejam este link:
http://imigrantes.no.sapo.pt/page2Africanos.html

Ou seja, quase todo portuga tem sangue preto.

Além do mais, basta olhar para o aspecto físico dos portugueses. Vcs são baixos, atarracados, morenos e peludos, como os marroquinos.

NUNCA um neonazi alemão consideraria os portugueses brancos. Aliás, não consideram. Os portugueses são perseguidos na Alemanha justamnete por não serem lá mto brancos.

Qto ao Brasil, fico feliz que milhões de imigrantes alemaes, italianos e outros tenham chegado aqui, pois trouxeram desenvolvimento.