domingo, dezembro 12, 2010

Rússia a caminho de um Estado criminoso

Valeri Zorkin, presidente do Tribunal Constitucional da Rússia, considera que a criminalização da sociedade e a fusão do poder e do mundo do crime atingiram envergaduras que ameaçam a ordem constitucional no país.

“A questão da eficiência da atual luta contra o mundo do crime é a questão da sobrevivência da Rússia nos próximos dez anos”, escreve ele hoje no jornal Rossiskaia gazeta.

“Todos os planos grandiosos na esfera do desenvolvimento, ou seja, os planos de modernização da Rússia, desmoronar-se-ão se o Estado não poder defender os seus cidadãos da arbitrariedade criminosa”.

O juiz enumera toda uma série de regiões da Rússia onde “o mundo do crime substituiu as mais importantes funções do Estado e da sociedade civil” e acrescenta que “as consequências não são apenas preocupantes, mas horrorosas”.

“O Estado que não é capaz de defender os seus cidadãos da violência em massa da parte dos bandidos e corruptos, condena-se não à estagnação, como muitos dizem muitos, mas à degradação”, sublinha.

Valeri Zorkin apela a não se entrar em pânico, pois isso vai ao encontro dos defensores da “ditadura férrea”.

“Nas condições atuais, trata-se da ditadura do mesmo mundo do crime e semelhante cenário é bem provável, principalmente ao nível regional”, considera ele.

O presidente do Tribunal Constitucional da Rússia apela a seguir a experiência norte-americana no combate ao crime organizado.

Segundo ele, “o atraso no início da luta contra o crime organizado mina catastroficamente a principal base da existência da Rússia: as bases do seu sistema constitucional. O nosso dever consiste hoje em reconhecer a agudeza e a envergadura da ameaça que paira sobre a sociedade russa”.

“A descriminalização da vida social, económica e política é a principal tarefa na defesa dos direitos e liberdades dos cidadãos, na afirmação da ordem constitucional”, concluiu.

17 comentários:

Jest nas Wielu disse...

WikiLeaks tinha a razão?

Felipe Pinheiro disse...

“O Estado que não é capaz de defender os seus cidadãos da violência em massa da parte dos bandidos e corruptos, condena-se não à estagnação, como muitos dizem muitos, mas à degradação”

Degradação: parece que é exatamente isso que está acontecendo desde o fim da URSS. Existe fundo do poço?

Português men disse...

Jest nas Wielu disse:

"WikiLeaks tinha a razão?"

Bem, o tema não é este, mas pode-se enquadrar.

O wikileaks não passa de uma fraude que a CIA está amontar e o assanje não passa de um civil as ordens da CIA, esta farsa tem como objectivo final inaugurar a era do terrorrismo digital e lançar a censura na internet.

O objectivo é controlar a informação a tal ordem que os blogs e foruns que neste momento deninciam as trapalhadas que so imperislistas americanos estão a fazer sejam todo abafados.

A nova ordem mundial esta ai em força, e se querem saber mais vejam o que diz este senhor muito bem informado neste blog:


http://octopedia.blogspot.com/2010/12/wikileaks-um-projecto-secreto-da-cia.html


Ou seja, estamos a assistir á contrução de uma ditadura mundial o fedralismo europeu é outro passo nesse sentido.

Para impedir isto, e para travar o plano de dominação mundial do sionismo judaico sediado nos states, só há uma solução.

Ter um Russia e uma China forte, em contra ponto a estes individuos e a este plano de dominação mundial.

Português men disse...

2ª parte.

Se russia se está tornar num eStado criminoso, em parte a culpa também é dos EUA que apoiam secretamente o islamismo radiCal nas republicas do caucaso de modo a enfraquecer a russia.

Pois, se a russia cair, cai o mundo, e a ditadura mundial será implementada.

Por isso não tenho duvidas que o Putin fará o que for preciso para manter a russia de pé.

Nem que seja com uma ditadur, mas ele fará-o.

E depois convenhamos, o que é hoje a democracia que não uma ditadura partidária!

Somos obrigados a escolher quse sempre entre dois males menores, porque os que podem e tem capacidade para chgar aos cargos e por as coisas no devido lugar são ceifados antes de lá chegar.

os seja, em Portugal, vivemos há 30 anos numa ditadura partidária neste momento comandada por iberistas que querem vender Portugal á espanha.

Antes do 25 de abril, pelomenos eramos governados por patriostas, hje somos governados por tradores.

E depois as ditaduras e as democracias são ciclicas, as sociadades estão a ficar tão desvirtuadas de valores, a unidade familiar esta ser destruida, e para por isto no lugar só lá vamos memso com uma ditaduara, tanto em Portugal como em muitos outros paises do mundo.

Abr.

Francisco Lucrecio disse...

E qual o pendor dessa ditadura? Popular ou dirigista?
Vou lutar por a primeira.

Portanto o mal está mesmo no sistema que nos governa. Ainda ontem isso foi afirmado por um pupilo de Salazar num debate televisivo.

Bem; ele não diz qual o sistema que deseja. É como o Pipo não se atreve a apresentar ideias.

Num ponto ao menos estamos todos de acordo, o actual sistema está caduco, fora de prazo, não serve para consumo humano.

Jose Milhazes disse...

Sr. Lucrécio, fazer propostas para quê? Você já sabe quais são as receitas, tem uma espécide de "banha da cobra" que cura tudo e todos.
Até conseguiu justificar as coincidências ideológicas entre Duguin e Ziuganov!

Francisco Lucrecio disse...

A Rússia não está a caminho de um Estado mafioso, a Rússia já é um Estado mafioso, Putin é o dirigente do clã vencedor da guerra das mafias dos anos 90.

Quando assumiu o poder os padrinhos dos outros clãs os que não se submeteram ao novo establishmen, fugiram para o estrangeiro ou foram presos.

É do sistema. Se não fosse Putin havia outro para desempenhar o mesmo papel.

Francisco Lucrecio disse...

Doutor Milhazes estava-se a discutir opções estratégicas entre essas duas pessoas e não opções ideologicas. Já entendeu? Então leia.

««««««««««««As propostas de Ziuganov embora de pendor marcadamente ideológico, são realistas.

Obviamente que existe uma convergência de ideias entre ambos. Se os afecta o mesmo tipo de problemas. Mas quem alinha com quem?

Além disso as propostas estratégicas apresentadas por Ziuganov estão assentes em realismos lógicos. Quando propõe a consolidação do mundo ortodoxo num único espaço e a partir daí a Aliança com Mundo Islâmico.
Então os esforços de Putin não têm sido quase todos nesse sentido?

Em contrapartida as propostas que Dugin apresenta são pura ficção de fantasia, excentricidades.»»»»»»»».

Não atire o Senhor pedras ao ar porque tem mesmo telhados de vidro. Que é seu habito fazer trocadilhos há muito que me tinha apercebido disso.

Não é angelicamente que diz nacional-comunistas. Tem plena consciência do significado..


Não tenha duvidas que para as suas alergias disponho sempre de uma mezinha eficaz . É a verdade!

Jose Milhazes disse...

Sr. Lucrécio, depois de ler o que escreveu, tentei imaginar Jerónimo de Sousa a apelar à consolidação do mundo católico num espaço único!Pagaria para ver!

Anónimo disse...

A caminho???
hahahaha

Anónimo disse...

Se bem entendo, os Russos só conseguem viver debaixo de uma ditadura férrea.
Curioso é que são governados, por antigos filhos legitimos da ditadura!
Neste cantinho da periferia da Europa, temos os seus seguidores que dão tudo sendo poucos a governar!

Portugês men disse...

Lucrécio.

O Putin foi o homem certo para Rússia na hora certa.


O Putin pode ter defeitos, mas não acredite em tudo que houve sobre ele nos jornais em Portugal porque essa informação é passada para criar uma imagem de Putin como que ele seja um monstro.

Não se esqueça que as ditas democracias ocidentais, que na verdade não são mais que ditaduras partidárias, não passam de fiéis servos dos interesses imperialistas americanos.

O Putin pode ter alguns amigos menos onerosos como o carniceiro do Cáucaso ( sabe quem é ? ), o nosso amigo José Milhazes sabe de certeza, e pode ter ligações outras ligações que lhe vem dos tempos em que ele era oficial da KGB.

Agora não duvide, se hoje existe um pais chamado Rússia, isso deve-se ao senhor Putin, que salvou a Rússia do colapso, depois de 10 anos em que o senhor Ieltsin pôs a Rússia de rastos de joelhos.

Não fosse o Putin, e os Tártaros tinham dito adeus à federação russa apoiados pelos americanos, o Putin lá resolveu as coisas com um estatuto especial.

Não fosse o Putin e ainda hoje havia guerra na Chechénia.

O Putin sabe-se mexer, quando o define como o vencedor da luta de clãs, nem se engana de todo, mas não duvide que entre os “clãs” como você os define, ganhou sem duvida o melhor clã.

O Putin ganhou porque domina o FSB, antigo KGB, e domina o GRU e assim, conseguiu passar para o lado dele os homens necessários para parar aquele banho de sangue que se vivia no Cáucaso.

Depois digo-lhe que eu acredito num mundo bi-polar e para isso temos que ter Rússia, caso contrário se a Rússia cair não tenha duvidas que o sionismo judaico toma conta do mundo.

O plano passa em primeiro lugar por estupidificar a Europa, e estão a consegui-lo, a Europa neste momento é um continente de gente estupidificada, onde a informação é no fundo contra-informação ao serviço dos EUA.

A unidade familiar esta a ser destruída, os homens já não se casam com mulheres, e as paradas militares foram substituídas por paradas de gays pelas ruas das cidades europeias.


De onde é que acha que vieram estes ideias, que de outro lado menos que os EUA?

Lá porque a organização mundial se saúde em 89 retirou a pandeleirice da lista de doenças mentais, a mando dos americanos e do lobby que domina aquele pais, não quer dizer que esta gente é normal!
Continuam a ser doentes mentais a precisar de ser tratadas que era o que lhe faziam antes de 89 na Europa.

E é o que lhes fazem no Irão, ou na China ou noutros países que não estão dominados pelo lobby judaico-sionista assente nos EUA, tratam-nos nem que seja com injecções de testosterona.

Sabia disso?

Você já ouviu falar do senhor Cass Suntein?

É conhecido pels suas ligações ao lobby sionista judiaco, bildenberg e afins, e defende o fim do casamento, e da unidade familiar.

http://en.wikipedia.org/wiki/Cass_Sunstein

Para alem disso defende que os blogs e fóruns que desvendam a farsa do 11 de Setembro devem ser todos fechados.

Está tudo a encaixar, não está, diga lá Lucrécio?

O wikileaks entra aqui, ou seja, lançar uma seria de fedi-vers sem importância, em que um é o cão das não sei quantas, o outro não tem roupa e vai despido, a merkel e o berlusconi são isto e aquilo, ou seja, informação sme relevância nenhuma.

A própria informação que saiu sobre o Iraque e Afeganistão, no fundo não era nada que não se soubesse e apenas veio confirmar as suspeitas, em relação ao 11 de Setembro, nada, já viu que interessante?

O próprio assanje, qual cãozinho bem amestrado diz que isso não tem importância nenhuma.

http://octopedia.blogspot.com/2010/12/wikileaks-informacao-ou-intoxicacao.html

Esta é aprova que ele faz parte do sistema e isto é uma conspiração da CIA, sendo ele um mero peão.
Há que abrir os olhos.

Português men disse...

1ª parte.

Lucrécio.

O Putin foi o homem certo para Rússia na hora certa.

O Putin pode ter defeitos, mas não acredite em tudo que houve sobre ele nos jornais em Portugal porque essa informação é passada para criar uma imagem de Putin como que ele seja um monstro.

Não se esqueça que as ditas democracias ocidentais, que na verdade não são mais que ditaduras partidárias, não passam de fiéis servos dos interesses imperialistas americanos.

O Putin pode ter alguns amigos menos onerosos como o senhor Razman Kadyrov, também conhecido carniceiro do Cáucaso ( sabe quem é ? ), o nosso amigo José Milhazes sabe de certeza, e pode ter ligações outras ligações que lhe vem dos tempos em que ele era oficial da KGB.

Agora não duvide, se hoje existe um pais chamado Rússia, isso deve-se ao senhor Putin, que salvou a Rússia do colapso, depois de 10 anos em que o senhor Ieltsin pôs a Rússia de rastos de joelhos.

Não fosse o Putin, e os Tártaros tinham dito adeus à federação russa apoiados pelos americanos, o Putin lá resolveu as coisas com um estatuto especial.

Não fosse o Putin e ainda hoje havia guerra na Chechénia.

O Putin sabe-se mexer, quando o define como o vencedor da luta de clãs, nem se engana de todo, mas não duvide que entre os “clãs” como você os define, ganhou sem duvida o melhor clã.

O Putin ganhou porque domina o FSB, antigo KGB, e domina o GRU e assim, conseguiu passar para o lado dele os homens necessários para parar aquele banho de sangue que se vivia no Cáucaso.

Depois digo-lhe que eu acredito num mundo bi-polar e para isso temos que ter Rússia, caso contrário se a Rússia cair não tenha duvidas que o sionismo judaico toma conta do mundo.

O plano passa em primeiro lugar por estupidificar a Europa, e estão a consegui-lo, a Europa neste momento é um continente de gente estupidificada, onde a informação é no fundo contra-informação ao serviço dos EUA.

A unidade familiar esta a ser destruída, os homens já não se casam com mulheres, e as paradas militares foram substituídas por paradas de gays pelas ruas das cidades europeias.

De onde é que acha que vieram estes ideias, que de outro lado menos que os EUA?

Lá porque a organização mundial se saúde em 89 retirou a pandeleirice da lista de doenças mentais, a mando dos americanos e do lobby que domina aquele pais, não quer dizer que esta gente é normal!

Continuam a ser doentes mentais a precisar de ser tratadas que era o que lhe faziam antes de 89 na Europa.

E é o que lhes fazem no Irão, ou na China ou noutros países que não estão dominados pelo lobby judaico-sionista assente nos EUA, tratam-nos nem que seja com injecções de testosterona.

Sabia disso?

Português men disse...

2ª parte.

Você já ouviu falar do senhor Cass Suntein?

É conhecido pels suas ligações ao lobby sionista judiaco, bildenberg e afins, e defende o fim do casamento, e da unidade familiar.

http://en.wikipedia.org/wiki/Cass_Sunstein

Para alem disso defende que os blogs e fóruns que desvendam a farsa do 11 de Setembro devem ser todos fechados.

Está tudo a encaixar, não está, diga lá Lucrécio?

O wikileaks entra aqui, ou seja, lançar uma seria de fedi-vers sem importância, em que um é o cão das não sei quantas, o outro não tem roupa e vai despido, a merkel e o berlusconi são isto e aquilo, ou seja, informação sme relevância nenhuma.

A própria informação que saiu sobre o Iraque e Afeganistão, no fundo não era nada que não se soubesse e apenas veio confirmar as suspeitas, em relação ao 11 de Setembro, nada, já viu que interessante?

O próprio assanje, qual cãozinho bem amestrado diz que isso não tem importância nenhuma.

http://octopedia.blogspot.com/2010/12/wikileaks-informacao-ou-intoxicacao.html

Esta é aprova que ele faz parte do sistema e isto é uma conspiração da CIA, sendo ele um mero peão.
Há que abrir os olhos.

Ou seja, ano fundo isto não passa de uma operação da CIA para instalar a censura na internet, obviamente que o povo é enganado nos telejornais, a mim ate me dá graça olhar para os pivot’s dos telejornais em Portugal, e pensar que mal se devem sentir por dizer tanta mentira.

Depois a europa, por mim esta europa acabava já manhã, não tenha duvidas isto esta feito para servir os interesses do directório europeu e para nos entregar aos espanhóis.

E quem pensa que esta por detrás dita construção europeia?

Os americanos, foi o senhor kisssinger que pôs o Durão onde esta, Durão esse que não passa de um boy ao serviço dos interesses americanos e do plano sionista.

A própria ONU é um esboço desse futuro governo mundial, que por acaso sede nos EUA.

Depois da europa estar dominada e sub-jugada, estupidificada ai eles vão partir para o que se segue, Russia e China.

Antes ainda vai o Irão.

Como foi o Iraque, numa guerra falsa, e apoiada em mentiras descaradas.

Os EUA usam e abusam dos países, o Saddam com todos os defeitos que podia ter, na década de 80 era um tipo porreiro porque combateu os ayatolas, depois da queda do chá da pérsia, até se via o senhor rumsfeld no palácio presidencial em Bagdad a apertar a mão ao saddam.

Acabou a guerra fria, deixou de servir, toca a montar-lhe uma cilada, o que interessa é o petróleo.

Português men disse...

3ª parte.

Foi criado o monstro mediático sobre o saddam, a RTP abria telejornais a dizer que os iraquianos matavam recém-nascido nas maternidades no koweit, tudo contra-informação, e manipulação das massas.

Não é que o saddam fosse um anjinho, realmente usou gás mostarda contra os curdos, fornecido pelos EUA, aqui é que está a piada!

E agora como é que aquilo está, sem saddam?

Mil vezes pior, sunistas rebentar com mesquitas xiitas quase todos os dias, é o caos total.

Já morreram mais de meio milhão de civis desde a invasão de 2003.

Os EUA são neste momento, e principalmente nos últimos 50 anos, o pais que mais trapalhadas tem feito, e o pais responsável por mais mortes e carnificina no mundo, as guerras que os eua tem travado não passam de guerras falsas, feitas com objectivos imperialistas e energéticos.

Por isso, a mim que não me gabem as acções americanas.

Não é que a América não tenha boa gente, tem de certeza, eu não tenho nada contra a america, o problema é que o aparelho de estado e militar americano foi tomado de assalto por forças obscuras poderosíssimas que manipulam aquele poderio na perseguição de objectivos imperialistas.

Os povos tem que ser livres e toda a gente tem direito ao seu lugar, ao seu canto.

Na Sérvia igual, uma coisa foi a guerra da bósnia, em que a comunidade internacional teve legitimidade para intervir, outra coisa foi, a farsa da guerra do Kosovo, em que literalmente os EUA retiraram á servia parte integrante do seu territórios e entregaram-no a traficantes de droga e mafiosos do piorio do UCK, organização que era considerada terrorrista pelos EUA e deixou de ser de repente porque interessou aos EUA, sendo por ai que entra se não todo quase todo o ópio que chega á europa.

Tudo isto foi feito para criar uma base no Kosovo, onde os eua tem milhares de soldados.

A NATO participou nesta guerra ilegal, porque a NATO é uma organização agressora aos serviço da politica imperialista americana, com isto ataca-mos um pais cristão, e entrega-mos aquele território a islamistas radicais que destroem igrejas ortodoxas, com a NATO a ver.


Os portugueses tem que abrir os olhos, e ver que neste momento a Rússia é que nos está defender deste imperialismo e desta ditadura mundial.

As coisas estão acontecer a um ritmo alucinante, as leis da física são claras, uma acção provoca sempre uma reacção, e eu assusto-me, não sei onde vamos parar.

Em relação ao sistema, é o que lhe digo, isto é cíclico, o actual está caduco, em Portugal, e se ainda formos pais daqui a uns anos, porque a conspiração iberista grassa em Portugal a olhos vistos, é desde a política ao futebol, das duas uma, não sei se a monarquia não se poderá impor devido á inércia e ao letargismo republicano, embora eu seja republicano, ou então temos que avançar para um presidencialismo á francesa, mas para isso é preciso um homem forte no pais, digo mesmo um novo Salazar.

Português men disse...

4 ª parte.

Não digo que tenha que ser uma ditadura, se for que seja de cariz popular como diz o Lucrécio, se é que isso é possível, mas duma coisa não duvide, precisamos de um homem forte nos comandos do pais nos próximos 10/15 anos, e que não tenha medo de nada nem de ninguém, nem mesmo destes sionistas judaicos, porque eles são perigosos e eliminam quem se lhes opõe.

Fizeram-no no próprio pais deles.
Quem acha que matou o JFK?

Acha que foram os comunistas.

Foi o lobby sionista, a família Kennedy de ascenderia Irlandesa foi sempre rival dos judeus.

http://citadino.blogspot.com/2007/11/jfk-vs-federal-reserve-banksters.html

Veja aqui o discurso dele contra as sociedades secretas antes de ser assassinado.

http://citadino.blogspot.com/2009/06/john-f-kennedy-discurso-contra-as.html

Pois, isto só é preciso ter alguma lucidez para separar o trigo do joio, e rapidamente se chega ás conclusões certas, mas é preciso ter cuidado porque eles para baralhar o pessoal fazem aquilo que se chama de contra-informação, ou seja, replicam informação e teorias totalmente desconexas para enganar e confundir o pessoal.

Esta crise financeira é também obra destes mesmos senhores de modo a subjugar melhor os povos europeus e levá-los ao federalismo europeu, mais nada, tudo isto está e foi orquestrado desde os EUA.

Mas não duvide, isto da maneira que está já não vai lá com falinha mansas, a única forma de por o nosso pais na ordem, é o fim desta U E.

Mas nós mandamos pouco, temos que esperar que os alemães ou os franceses se cansem destes imperialismos americanos, e comecem á turra para ver se esta U E, esta camisa-de-forças em que isto se tornou se esfuma, ai fechamos as fronteiras e podemos pensar em limpar Portugal deste bando de parasitas que está destruir-nos o pais.

Por estranho que pareça a Rússia que nos ensinaram ser o nosso inimigo, neste momento está diametralmente no sentido oposto, e é quem nos pode defender do imperialismo americano.

Pois bem, podem dizer o Putin até disse que queria aderir ao euro?

O que o Putin quer é destruir o dólar, e tirar aos EUA a cotação do petróleo em dolares, se para isso fosse necessário ele aderir ao euro ele fazia-o, sem dúvida, nem que fosse por um curto período de tempo.

A politica e o exercício do poder não pode ser feito segundo os ditames actuais, tem que ser feito em antecipação do que pode vir, e a jogada de putin é esta, matar o dólar.

Mas não creio que isso aconteça, porque os alemães nunca iam aceitar isso.

Francisco Lucrecio disse...

Doutor Milhazes se eu vendo banha da cobra. Que produto vende o Senhor ? Baba de outro bicharoco mais repugnante, sem qualquer eficacia.

Deduzo que o unguento que publicita nem para si produz efeito, porquanto o Senhor já está paralisado de tal ordem que não anda, rasteja. O clamor estridente das suas contradições indica isso.

Primeiro; acusou-me disto . «««« Até conseguiu justificar as coincidências ideológicas entre Dugin e Ziuganov»»»»»».

Fui recuperar o que tinha escrito, e apresentei-lhe. (Obviamente que existe uma convergência de ideias entre ambos. Se os afecta o mesmo tipo de problemas).
Volto a recordar-lhe de novo, discutia-se estratégia, “coincidências ideológicas” é mais uma das suas habilidades.

Agora brinda-me com este diamante.

«««««««««Sr. Lucrécio, depois de ler o que escreveu, tentei imaginar Jerónimo de Sousa a apelar à consolidação do mundo católico num espaço único!Pagaria para ver!.»»»»»»»



Doutor Milhazes já tive ocasião de dizer-lhe imensas vezes , fundamento aquilo que escrevo em opiniões recolhidas de pessoas que julgo merecerem alguma credibilidade, com o cuidado de por vezes consultar várias tendências. Se difundir algum facto incorrecto deve-se à fonte onde recolhi a informação, ainda menos altero o sentido das palavras para lhe dar um carácter da minha conveniência. Nem faço uso do mercenarismo rasteiro. Julgo que tenha compreendido?

Quanto às opções estratégicas de Ziuganov. Escrevi isto!

««««««««« propõe a consolidação do mundo ortodoxo num único espaço e a partir daí a Aliança com Mundo Islâmico…………»»»»»»».

Consulte o primeiro volume pagina 177 “ Manual de Geopolitica e Geoestratégia” do General Pezarat Correia, publicações Almedina. Se não é isto +- que lá está escrito, por motivos ........ evito o precisamente. Quem quiser saber mais que compre os livros. São excelentes

Também considera que o General Pezarat Correia não sabe o que diz nem merece credibilidade?

Afinal quem cria e recria fantasias? Quem falta à verdade? Sou eu?

Quanto a Jerónimo de Sousa aconselho o Senhor a fazer uso de um minimo de hombridade quando se refere aos seus ex-camaradas, por respeito a si próprio.