quinta-feira, janeiro 20, 2011

Assessor de PR russo responsabiliza Putin por problemas nos investimentos



Arkadii Dvorkovitch, assessor do Presidente Medvedev para assuntos económicos, considera que o Governo de Vladimir Putin tem responsabilidades no mau clima de investimentos existente na Rússia, embora considere o trabalho do primeiro-ministro “eficaz”.

Segundo ele, no país existem “problemas com o clima de investimentos”.

“E claro que parte da responsabilidade por isso, e o próprio primeiro-ministro falou muitas vezes disso, é do Governo. Penso que nem ele diria que o trabalho é absolutamente eficaz”, acrescentou ele, numa conferência on-line com leitores do jornal gazeta.ru.

Porém, ele avaliou a atividade do primeiro-ministro como “eficaz”.

Dvorkovitch considera que a condenação de Mikhail Khodorkovski, ex-patrão da petrolífera YUKOS, a mais uma pena de 14 anos de prisão levará à reavaliação dos riscos por parte dos investidores estrangeiros.

“No que respeita à perda na imagem e à atitude dos investidores, penso que nós, dentro em breve, dentro de uma semana, veremos e ouviremos tudo em Davos, o maior forum de investimentos, veremos que essas perguntas irão ser feitas a todos os membros da delegação russa e ficará clara a atitude dos investidores. Penso que parte significativa da comunidade internacional fará perguntas sérias e aumentará a avaliação dos riscos de atividade na Rússia”, precisou.

O assessor económico do Kremlin recordou as palavras de Dmitri Medvedev de que “nós temos um clima de investimentos muito mau”.

“Muitos realmente não vêem perspetivas de fazer negócios e investir no interior da Rússia. Isso é confirmado pelos números do crescimento do investimento, que estão muito longe dos registados no período antes da crise”, frisou.

Dvorkovitch considera que a “indefinição eleitoral” e “a corrupção que não diminui” estão entre as causas do deterioramente do clima económico do país.

Em Dezembro de 2011 realizar-se-ão eleições para a Duma Estatal (Câmara Baixa) do Parlamento Russo e, um ano depois, terão lugar eleições presidenciais, desconhecendo-se ainda quem será o candidato do Kremlin: Putin ou Medvedev.

Entretanto, os investimentos estrangeiros na Rússia desceram de 56,9 mil milhões de dólares em 2009 para 38,3 mil milhões em 2010.

13 comentários:

Cristina disse...

Palavras para quê? Está tudo dito.

Cristina disse...

Ontem foi dia da Epifania, uma das festas do calendário ortodoxo e que relembra o baptismo de Cristo por São João Baptista.
Hoje no Público são publicadas fotos de uma enorme beleza, as mais bonitas que já vi sobre esta festa e sobre a tradição ortodoxa de bênção das águas. Contemplem! http://static.publico.pt/docs/mundo/diadaepifania/

PortugueseMan disse...

...Dvorkovitch considera que a condenação de Mikhail Khodorkovski, ex-patrão da petrolífera YUKOS, a mais uma pena de 14 anos de prisão levará à reavaliação dos riscos por parte dos investidores estrangeiros...

Caro JM,

Sabe dizer-me de que maneira é que Dvorkovitch referiu o Khodorkovski?

Foi ele que incluiu isto nas suas declarações, ou foi questionado pelo o jornalista?

Jose Milhazes disse...

Caro PM, a pergunta foi: Se a segunda sentença de Khodorkovski não irá influir no clima de investimentos na Rússia

PortugueseMan disse...

Caro JM,

Obrigado pelo o esclarecimento. Eu coloquei a questão porque considero importante distinguir entre o que Dvorkovitch diz/pensa sobre os problemas nos investimentos e o que diz quando questionado pelos os jornalistas.

Porque eu considero que a situação de Khodorkovski, tem um impacto mínimo para o clima de investimentos e achei estranho que ele nas suas declarações tivesse incluido esta questão como um factor de preocupação (esta questão tem impactos mediáticos, mas não devemos misturar as coisas)

Agora a responder a uma questão de um jornalista, já acho a coisa normal. Tudo o que afecte a imagem da Rússia tem impacto nos investimentos.

Eu não concordo com a maneira como sou induzido a pensar. Mas a imprensa usa muito este tipo de escrita, infelizmente.

Pippo disse...

Em que medida é que a condenação de Khodorkovski impede investidores de investir no mercado russo? Têm medo de serem presos?

Poderemos equacionar que M. Khodorkovski foi preso por intervir na política contra Putin e por querer vender a sua empresa a capitais estrangeiros (entregando de bandeja um sector estratégico da economia russa).

Será que isso é impeditivo de investimentos por parte de outras pessoas? Não creio.

MSantos disse...

"Poderemos equacionar que M. Khodorkovski foi preso por intervir na política contra Putin e por querer vender a sua empresa a capitais estrangeiros (entregando de bandeja um sector estratégico da economia russa). "

O governo russo foi desastrado em não ter defenido estes princípios logo no início como motivo da prisão de Khodorkovski.

Por toda a razão que tenha o assessor no seu comentário é lamentável haver quem defenda que para atrair investimento a Rússia tenha que se prostituir económicamente tal como fazia nos anos 90.

Khodorkovski está preso na Rússia. Madoff está preso nos Estados Unidos.

Em Portugal, os Khodorkovskis e Madoffs andam em liberdade, de peito cheio, conservam a riqueza que roubaram e no fim ainda escrevem livros e dão palestras.

Cumpts
Manuel Santos

António disse...

A Rússia nem consegue atrair investidores russos, quanto mais estrangeiros...

Já tive o desprazer de passar por milhentos comentários imbecis neste blogue, mas o de comparar o Khodorkovsky ao Madoff é seguramente o campeão a uma boa distância do segundo classificado.

António Campos

Anónimo disse...

Muito bem, António.

Khodorkovsky é uma das maiores esperanças para uma Rússia democrática e livre.

Pippo disse...

"comparar o Khodorkovsky ao Madoff é seguramente o campeão a uma boa distância do segundo classificado."

De facto, a comparação é imbecil: o Madoff nunca matou ninguém. Já o Khodorkovsky ...

Mas ainda há quem, imbecilmente, defenda este último.

MSantos disse...

Caro Pippo

Permita-me o concelho de lhe sugerir guardar os seus sábios comentários e respostas a pessoas que o mereçam e não a mal educados e a parvalhões arrogantes.

Não perca o seu tempo.

Cumpts
Manuel Santos

Pippo disse...

Porque não, MSantos? Ao menos sempre nos divertimos um bocado.

Afinal de contas, um homem inteligente diverte-se bastante ao ver um imbecil a tentar dar-se ares de intelectual...

:oD

Ab,

MSantos disse...

Caro

Visto por esse prisma...

Cumpts
Manuel Santos