quarta-feira, fevereiro 29, 2012

Putin considera que oposição deve respeitar opinião da maioria

A oposição na Rússia deve sujeitar-se à opinião da maioria e lutar pelos seus direitos através de meios legais, declarou o primeiro-ministro e candidato a Presidente, Vladimir Putin, num encontro com seus apoiantes.
“É preciso respeitar a opinião da minoria, mas sujeitar-se à escolha da maioria. Isso é o principal e a minoria não tem o direito de impor à maioria a sua opinião”, afirmou.
“Quando se declaram antecipadamente ilegítimos os resultados das eleições, isso é simplesmente um dos instrumentos da luta. Considerado que são instrumentos inaceitáveis numa sociedade democrática”, acrescentou.
Putin acusa a oposição de estar a preparar provocações para depois anunciarem as eleições fraudulentas.
“Temos razões para supor que os nossos opositores se preparam para ações dessas. Eu digo isto agora publicamente, embora não tarde a crítica e a exigência de apresentar provas. Mas, em princípio, podemos apresentá-las”, frisou.
Putin voltou a afirmar que a oposição é financiada pelo estrangeiro.
A oposição convocou várias manifestações para o dia 5 de março para contestar a legitimidade do escrutínio presidencial marcado para domingo, dia 4. Nomeadamente, promete montar tendas na Praça Vermelha.
As autoridades de Moscovo já anunciaram a proibição de manifestações sancionadas e a polícia promete tomar medidas para impor a ordem.
Organizações juvenis que apoiam Putin e tinham convocado manifestações para o centro de Moscovo para 05 de março, desistiram dessa intenção, alegando “não quererem criar incómodos para os cidadãos”.

4 comentários:

Fernando Negro disse...

As eleições ainda nem sequer ocorreram... Como é que os opositores de Putin sabem já que houve fraude eleitoral?!
Tendas na praça central... Mas um dos procedimentos típicos das "revoluções coloridas", financiadas e controladas pelo Ocidente...
Tenho lido muito sobre alegações de fraude, mas ainda não li nada sobre provas da mesma. Alguém aqui me quer facilitar o trabalho e providenciar hiperligações que provem a ocorrência deste fenómeno no passado?

Голос революции disse...

A oposição contra Putin deve ter voz ativa na sociedade russa. Isso só irá fortalecer mais ainda Putin, pois irá passar uma imagem de "liberdade de expressão".

A oposição na Rússia é plastificada, pois não tem força para derrubar ninguem. Isso é tudo papo furado, papo para boi dormir. Nada e ninguem irá tirar Putin do poder á partir deste ano. Já está devidamente traçado.

Pois na verdade, quem irá ser a oposição é Putin... No cenário internacional!!! Putin será um crítico ferrenho e doloso da política nefasta americana, européia e zionista.

Putin vai ser um osso duro de roer á partir de 2012. Eu estou botando todas as minhas confianças neste líder.Minhas ideologias políticas e á de Putin são gêmeas!!! Eu sou o análogo de Putin no Brasil...

EU SOU 100% ALIADO INCONDICIONAL DE VLADIMIR PUTIN, DE SUA POLÍTICA INTERNA E EXTERNA!!!

EU FUI, SOU E SEMPRE SEREI A OPOSIÇÃO... EM TUDO, PARA TODOS!!!

antónio m p disse...

E o que dizem os outros? Só Putin é que faz declarações?

antónio m p disse...

E o que dizem os outros? Só Putin é que faz declarações?