quarta-feira, abril 15, 2009

Madonna: ou se faz santa, ou não canta em S.Petersburgo


A actuação da cantora Madonna na Praça dos Palácios (na foto) de São Petersburgo, prevista para 02 de Agosto de 2009, deve ser livre de elementos sacrilégios, afirmou hoje Mikhail Piotrovski, director do Museu Hermitage, entrevistado pela rádio Eco de Moscovo.
“Queremos ter garantias de que não se cometerá nenhum sacrilégio na Praça dos Palácios. Embora isso possa ser qualificado de “violação da liberdade de expressão”, na praça temos um monumento com um anjo no cimo de uma coluna”, declarou Petrovski.
O Museu Hermitage encontra-se instalado no Palácio de Inverno, um dos palácios situados na praça central de São Petersburgo.
“Na minha opinião, a Praça dos Palácios não é um lugar propício para a actuação de Madonna”, acrescentou.
O director do Hermitage tem em vista o número quando a cantora aparece crucificada ao interpretar a balada Live to Tell. O Vaticano não aprovou essa ideia de Madonna e a Igreja Ortodoxa Russa considerou-a um “sacrilégio e profanação da fé cristã”.
Piotrovski recordou também que deve ser assinado um contrato onde seja fixado o nível máximo do som durante o concerto, que deverá ser medido durante os ensaios e o concerto.
“Isto são condições inabaláveis”, acrescentou, concluindo que isso foi cumprido durante a actuação dos Rollig Stones e outros concertos na Praça dos Palácios.

14 comentários:

Anónimo disse...

Ridículo!
1. se é sagrado, monumental ou seja lá o que for, não deve haver lá barulheiras daquelas que até podem provocar rachas na pedra antiga.
2. Numa terra com comércio de carne por todo o lado, legal e ilegal, que raio de hipocrisia é esta? A Madonna devia era fazer uma provocação daquelas, só para chatear.
3. Mas ela é santa,(risos) é a Santa Maria, a Mãe de Deus, Nossa Senhora, ou que pensam estes idiotas que significa a palavra Madonna?
4. O anjo na estátua pode sempre cair ( risos). Anjo caído, estão a perceber? Demónio, ou melhor diabo no corpo, neste caso ( risos).

O Recuperado disse...

Espétaculo.
Isto sim, é Europa.

Quem imaginira que a Rússia... a Rússia nos desse lições destas!

Gilberto Mucio disse...

Olha que tá mais pra Oriente Médio... hehe

Anónimo disse...

這裡給你許多的給您宜蘭民宿新生活、旅遊新體驗,發現生活的樂趣。

Pippo (live from Brasil) disse...

É pena que as autoridades não actuem com mais veemência no âmbito de outros crimes contra a dignidade humana, tais como o comércio sexual.
Contudo, concordo com a posição das autoridades. A arte permite-se a liberdades, mas não se pode permitir a liberdade de ofender a fé e a moral dos outros. Isso é básico e inquestionável.
Na minha opinião, a Madonna deveria ter sido violentamente processada, quer pelo Vaticano, quer pelas restantes Igrejas (Ortodoxas e Protestantes) pelo sacrilégio que cometeu. Se ela cometesse um crime de ofensa racial seria ostracizada, não é verdade? Porque não, então, ser condenada por crimes de ofensa religiosa? Até a ONU já se mexe nesse sentido...

Anónimo disse...

這家婚禮顧問公司很專業!

Anónimo disse...

Estes comentários em chinês devem querer dizer alguma coisa: serviços secretos chineses?

Anónimo disse...

Lá por haver uma vasta rede de comércio sexual, em actividade a partir de território russo, não significa necessáriamenteque o senhor Petrovsky esteja envolvido nela. Uma pessoa tem o direito de exigir o mínimo respeito pela sua tradição e património cultural. Isso não é uma restrição à liberdade de expressão. Por essa lógica, também seria hipócrita implementar medidas de combate ao tráfico de estupefacientes(60% dos quais provenientes do Brasil, ou transportados através do mesmo)em território português, só porque quase metade da juventude os consome, sejem leves ou pesados. Além disso não me parece que o tráfico humano seja um problema exlusivo da Rússia. Lembremo-nos da "democrática" Ucrânia... ou das vastíssimas redes caucasianas de actividades marginais, responsáveis por uma enorme quota-parte do comércio sexual com os chulos europeus.
A partir do momento em que uma exigência de respeito pelo património cultural de um país, seja considerada como heresia. Isso será a demonstração de uma crise de valores muito mais grave que a que se vem a observar na Rússia pós-soviética.

Anónimo disse...

Cambada de hipócritas!
Enfim, isro é espectáculo e é o menos. O que tem peso são os jornalistas assassinados e outros opositores de que não se fala perseguidos, e depois o Kremlin vai à Missa.
Quem não os conhecer que os compre.

Anónimo disse...

Madonna é definitivamente um lixo de cantora! Ela que vá cantar naquele seu país decadente.

Eu.

Observateur disse...

Penso que o Kremlin terá a mesma legitimidade para "ir à Missa" que os Estados Unidos, por sua vez,em nome da Democracia e dos Direitos Humanos, asseguram a subsistência da máquina de guerra que alimenta Reserva Federal, através do derramamento de sangue a que se assiste no período dos últimos 64 anos. mais do que isso, interpretam a Bíblia à letra e empreendem cruzadas terroristas contra pessoal que não existe e que nunca há de ser encontrado. Todos assumimos a existência de atrocidades nas guerras chechenas. mas não será seguro esquecermo-nos dos empreendimentos sangrentos, do Ocidente, na América Latina e nos estados Islâmicos. É o nosso estilo de vida. A violência resulta.
Quanto aos jornalistas assasinados, sou um admirador da obra da Anna Politkovskaya, embora sem prejuízo da tendenciosidade suprajacente a toda a sua obra. Haverá uma lista infindável de nomes, que se chegariam a frente nesses assassínios brutais, e que se antecipariam aos dirigentes do Kremlin.

Observateur disse...

Aliás... quem disse que o sistema de governo autoritário teria, necessáriamente de ser mais brutal que uma Democracia Totalitária??

Anónimo disse...

A coisa está a ir tanto pro buraco, que já nem com uma novena se safam.

Jose Milhazes disse...

Caros leitores, Madonna aceitou todas as condições impostas para cantar em São Petersburgo, que ficaram fixadas num documento especialmente assinado.