domingo, agosto 02, 2009

Acusações de Moscovo são “ameaça aberta” - diplomacia georgiana

O Ministério dos Negócios Estrangeiros da Geórgia condenou hoje a declaração do Ministério da Defesa da Rússia onde se acusa as autoridades georgianas de provocações contra a Ossétia do Sul.
Segundo a diplomacia de Tbilissi, as acusações são “absolutamente infundadas” e a declaração é considerada uma “provocação aberta contra a Geórgia”.
Além disso, na declaração sublinha-se que a posição de Moscovo “visa desestabilizar a situação na região e encaminhar os acontecimentos segundo um cenário perigoso”.
O Ministério da Defesa da Rússia advertiu, ontem, que utilizará a força para defender a Ossétia do Sul e os soldados russos aquartelados nessa república caso a Geórgia não suspenda os ataques contra essa sua república separatista.
“Esses ataques causam sérias preocupações. E no caso de mais provocações que ameaçem a população da Ossétia do Sul e o contingente russo, o Ministério da Defesa da Rússia reserva-se o direito de empregar toda a sua força e recursos disponíveis para defender a população civil e as tropas russas”, sublinha-se num comunicado desse ministério.
Segundo ele, nos últimos dias, desde o território da Geórgia que se têm realizado ataques contra povoações da Ossétia do Sul e Tskhinvali, capital dessa república, sem, até ao momento, provocar vítimas.
“Num cenário similar desenvolveram-se, em Agosto de 2008, os acontecimentos que conduziram à agressão da Geórgia contra a Ossétia do Sul e os ataques contra as tropas de paz russas”, acrescenta-se no comunicado do Ministério da Defesa.
Horas antes, o Ministério da Informação da Ossétia do Sul anunciou que um posto de observação militar desse território tinha sido atacado na manhã de Sábado com fogo de morteiros a partir do território da Geórgia.
A 30 de Julho, Geórgia e Ossétia do Sul trocaram acusações sobre as origens do tiroteio que se produziu durante a noite na zona de Tskhinvali, sem causar vítimas, nem destruições.
Trata-se da primeira onda de incidentes depois da Rússia ter intervindo militarmente contra a Geórgia, a 08 de Agosto de 2008, a pretexto de defender os seus cidadãos e tropas de manutenção da paz na Ossétia do Sul.
Essa guerra terminou com um cessar de fogo assinado entre a Rússia e a Geórgia, tendo a União Europeia actuado como intermediária. Em Setembro do mesmo ano, Moscovo reconheceu a independência não só da Ossétia do Sul, mas também da Abkhásia, outra república separatista da Geórgia.
Até agora, esta iniciativa do Kremlin recebeu o apoio apenas da Nicarágua.

58 comentários:

Anónimo disse...

O presidente playboy da Geórgia ainda não aprendeu a lição

Pobre Geórgia vai entrar numa outra guerra, esperamos que nada aconteça...

Anónimo disse...

Esse aventureiro presidente da Georgia está a provocar o urso russo e com essas brincadeiras ainda vai arranjar um conflito de sérias proporções, que pode, indirectmente, vir a arrastar a NATO, para uma problemática que é totalmente alheia aos interesses das nações e povos europeus ocidentais.
O envolvimento da NATO, pode vir a ocorrer, por via do envolvimento dos Estados Unidos no conflito.
Que eu saiba, apenas Estados Unidos e Israel, apoiam a Geórgia.
Porque não enviam, os israelitas, soldados deles para lá, para combater pela Geórgia?

kakaroto disse...

duvido que os EUA vão entrar diretamente na Georgia.

mais não duvido nada que indiretamente a visita de Biden foi um ato que conhecidiu com as eleições Moldavias e também com essas provocações Georgianas.

Anónimo disse...

alguem me tire uma duvida, que ano e a eleições na Georgia e na Ucrãnia.

Yuri disse...

Pois é a Geórgia está a brincar novamente mas estou a duvidar que uma nova guerra possa acontecer, caso aconteça, a Rússia certamente poderá ocupar toda Geórgia e tirar o seu presidente mediocre de uma vez por todas e se calhar a Nato e Eua ficarão quietinhos!!!

kakaroto disse...

mais tem uma pergunta.

o que Shakavili vai ganhar em armar um novo conflito com a Russia?.

Anónimo disse...

kakaroto: uma seria a possibilidade de uma vez mais culpar a Russia de todos problemas internos da Georgia

Anónimo disse...

Mesmo que Obama queira mudar a política, o seu staff não vai deixar em especial Biden e Hillary.

Se Obama se impuser, provavelmente um "terrorista islâmico" ou um "supremacista branco" cometerá a "acção isolada" e Biden assumirá como Johnson e os Estados Unidos voltarão às guerras.

Esta nova arruaça na Georgia é consequência do encorajamento que Biden lhes deu na última visita.

Anónimo disse...

A nato que se preocupe mas é com a POUCA VERGONHA que se está a passar em israel.Falam e nãos os vejo a fazer nada.Por muito menos invadiram países em nome dos "direitos humanos".

Os palestinianos não devem ser humanos portanto.Israel não vai ser bem visto por toda a europa.

Para alem de só icentivarem o fanatismo palestiniano,pois eu se tivesse no papel deles tambem só queria vingança e sangue,muito sangue.

NN

Anónimo disse...

Abaixo Israel, não merecem viver em paz enquanto praticarem crimes contra o povo Palestiniano, como os novos colonatos na Cisjordania. Quanta hipocrisia judia!!!

Ricardo disse...

"o que Shakavili vai ganhar em armar um novo conflito com a Russia?"

Um caixão.

Anónimo disse...

Obama tem de remover o anormal do Shaask do poder ou o Ocidente perderá a Geórgia de vez.

Anónimo disse...

http://www.youtube.com/watch?v=Pxh_hArY-dk

A Georgia vai se meter com isto?LOL...Deve ser para rir.

Anónimo disse...

mais também todos sabemos que a Georgia e hojé um Bastião Americano ne uma das ex republicas Sovieticas.

tomare que um dia esse Shakavili e o Presidente Ucxraniano atual caia pois nunca na historia recente houve tanta tenção nessa regiões como a hoje.

Maquiavel disse...

Coincidências: intensificam-se as operaçöes no Afeganistäo logo a seguir ao anúncio da retirada do Iraque, mas de uma maneira que até a Finländia anda lá metida. Isto num contexto de crise generalizada, que näo há meio do pessoal voltar a consumir, näo havendo manipulaçäo informativo do greenspan que valha. O povo tanto foi amedrontado que só quando ver a economia subir 5% começa a gastar. O que vai levar tempo, porque é muito difícil a economia crescer a 5% com fraco consumo.

O genocida georgiano está a jeito: quer vingança, está a braços com a crise contínua no seu país, e näo sabe para onde se virar. Da outra vez resultou, ganhou o que queria (prestígio e apoio interno, que o resto säo pormenores), e agora pensa que ainda vai ser melhor! O problema é que a Rússia tem tantos ou mais descontentes, está a braços com a crise própria, logo usa o mesmo argumento para "levantar as hostes". Umas poucas canhoadas e os russos logo esquecem a fome, e däo vivas ao Ursinho por lhes devolver o orgulho nacional.

Como benefício adicional, expande a área de acçäo e captura de uma vez por todas o pipeline que iria fazer parte do Nabuco, olha que chatice. Dêem-lhes desculpas, dêem, que ele gostam... os EUA väo intervir? Pois väo, mas é para pedir conselhos aos russos de como sacudir os talibäs do Fuganistäo!!!

Joaquim disse...

O presidente da Geórgia quer recuperar popularidade. Ele deve estar a ir mal, nessa altura é o único que tem a ganhar com uma nova guerra.

Acredito que não haverá guerra pois a Rússia está a sofrer com crise económica e não quer desgastar-se com os Eua. O que vamos ver são as trocas de artilharias e tiros.

Wandard disse...

O BTC, custou muito caro e os 55km que estão na Ossétia do Sul são importantes, um desvio para descartar este trecho levará cinco anos e mais alguns milhões de dólares Mischa tem que fazer alguma coisa e deve estar aproveitando as declarações do Comandante da Marinha, afinal a guerra de informação está em alta e a Rússia tem feito bem a sua parte. Acredito que não vai dar em nada, no máximo mais uma contraposição de belonaves da Otan contra as forças navais da Rússia. Faltando 5 meses para o Start perder a validade, com toda certeza os americanos não vão correr o risco da Rússia desistir da assinatura, enquanto isso os projetos continuam sendo desenvolvidos na Rússia e quem quiser vai comendo as informações das falhas, assim como os americanos comeram o projeto da Mig enquanto o T-50 era o escolhido.

Vamos adiante.

Jest nas Wielu disse...

off top

A Rússia está criar Putlerjugend

O movimento putleriano “Nashi”, é visto como a base para a criação da rede nacional russa das unidades paramilitares. Os seus organizadores pretendem em 3 anos reunir 100.000 “jovens problemáticos” (leia marginais), que vão patrulhar as ruas, munidos com as armas traumáticas (pistolas pneumáticas, etc).

Um dos mentores das unidades, Sergey Bohan diz que o anteprojecto – lei já foi preparado, e colocado para a apreciação da Duma estatal pelo … Ministério do Interior. Segundo o anteprojecto, as unidades paramilitares terão o direito de fiscalizar os documentos de identificação dos cidadãos, as suas viaturas, vão ter o fardamento próprio e a identificação própria. Poderão usar as armas traumáticas, as pistolas de gás e a força física…

Os putlerianos deste blogue podem argumentar que essa medida é boa e bonita, mas os portugueses gostariam ser fiscalizados por seguidores do Mário machado (Hummerskin Portugal)???
http://www.gazeta.ru/politics/
2009/08/03_a_3231369.shtml

Os membros das futuras unidades em acção:
http://zyalt.livejournal.com/140321.html

p.s.
Geórgia: a David georgiano vencerá o Golias bárbaro…

Jose Milhazes disse...

As eleições presidenciais na Ucrânia terão lugar em Janeiro de 2010 e na Geórgia poderão haver eleições municipais também nesse ano. Até às presidenciais faltam alguns anos.
Por enquanto, a guerra entre a Rússia e a Geórgia não deverá passar da fase verbal, com alguns incidentes esporádicos, mas as coisas podem agravar-se visto que a situação no Caucaso do Norte russo está muito complexa.
Por exemplo, durante as guerras na Tchetchénia, a guerrilha separatista tchetchena utilizou a Geórgia como base. Saakachvili pôs fim a isso, mas as acusações poderão repetir-se.
Também muito irá depender da evolução interna na Rússia e Geórgia.

Repin disse...

Geórgia: a David georgiano vencerá o Golias bárbaro…


Parece que o Golias norte-americano não o incomoda, não é? Talvez ja tenha se acostumado a limpar-lhe as botas.

A propósito, está demorando para aderir a NATO, hein... por que tanta demora? Quando puderes manda notícias da Ucrânia.

sadações.

Ilya E. Repin

Anónimo disse...

ó Jest nas Wielu obrigado pelo link :o)

Que barbaridade, no meio dessa confusão, em que até se vêm pessoas em camuflado - um deles tem 3 estrelas no ombro, aquí seria Brigadeiro :) quem é quem, ou seja, quem são os polícias, os da milícia, os hooligans, e os bombeiros (estes serão os que têm bivaque:) ?

Os "bandidos" dá para entender que são aqueles que estão a ser arrastados. :)

Sem pés nem cabeça, parece que na Rússia há mais polícias, militares e militarizados, do que gente :)

Já agora, o que é essa coisa de tropas do Ministério do Interior?

Que seja do meu conhecimento nenhum país civilizado no mundo, tem tropas dependentes do Ministério do Interior.

As tropas, os militares, dependem dos Ministérios da Defesa, e, os Ministérios do Interior ou da Segurança, têm apenas polícias.

Mais uma salsichada pós-comunista ...

Anónimo disse...

Jest
comparar Putin a Hitler só fica mal a quem o faz. Se Putin desaparecer, aí sim poderemos ter pior do que Stalin. Acorde e ganhe juizo, homem!

Anónimo disse...

http://en.rian.ru/exsoviet/20090803/155714582.html

para o Jest ver as figuras que anda a fazer ( risos)

Souto Maior disse...

Os putlerianos deste blogue ...

Pegando pesado, companheiro.

passa a impressão que o senhor faz parte de algum grupo radical. Cuidado para não se misturar à escória da humanidade!

O radical, por sua inflexibilidade, tende a partir-se ao meio.


Souto Maior

PortugueseMan disse...

Wandard,

O BTC não passa pela Ossétia do Sul.

Cumprimentos,
PortugueseMan

anónimo russo disse...

Jest nas Wielu disse...
off top

A Rússia está criar Putlerjugend

O movimento putleriano “Nashi”, é
... e outro devaneio de costume.



Vuika em acção, no seu ódio impotente de costume. Sem comentários.

anónimo russo disse...

Souto Maior disse...
Os putlerianos deste blogue ...

Pegando pesado, companheiro.

passa a impressão que o senhor faz parte de algum grupo radical.


Pois, ele é realmente um radical, pelo menos na internet.

anónimo russo disse...

Anónimo disse...
Jest
comparar Putin a Hitler só fica mal a quem o faz. Se Putin desaparecer, aí sim poderemos ter pior do que Stalin. Acorde e ganhe juizo, homem!


È interessante até que ponto voces não têm ideia do que se passa na Rússia. Fome, Stalin etc... Meu deus... O país atualmetne não tem nada a ver com a URSS antiga. Ninguem aqui quer Stalin. (alguns dos meus antepassados, por exemplo, sofreram no tempo do Stalin)

anónimo russo disse...

Jose Milhazes disse...
As eleições presidenciais na Ucrânia terão lugar em Janeiro de 2010 e na Geórgia poderão haver eleições municipais também nesse ano. Até às presidenciais faltam alguns anos.
Por enquanto, a guerra entre a Rússia e a Geórgia não deverá passar da fase verbal, com alguns incidentes esporádicos, mas as coisas podem agravar-se visto que a situação no Caucaso do Norte russo está muito complexa."


Os factos, por favor. Em que essa tal situação está mais "complexa" do que, por exemplo, há uns 2 anos?

Anónimo disse...

O Jest é um radical doente que já não tem nenhum crédito neste blog, e você Anónimo Russo é um chato propagandista que já aborrece.

No fundo vocês os dois são iguais pois são farinha do mesmo saco só de sentido oposto.

Já ninguém vos liga. Ainda não repararam?

anónimo russo disse...

Anónimo disse...
O Jest é um radical doente que já não tem nenhum crédito neste blog, e você Anónimo Russo é um chato propagandista que já aborrece.

No fundo vocês os dois são iguais pois são farinha do mesmo saco só de sentido oposto.

Já ninguém vos liga. Ainda não repararam?



Só uma coisa: eu não sou propagandista. Se tu já não me ligas, para mim tanto faz. Mas como podes responder pelos outros?

Jose Milhazes disse...

Anónimo russo, os factos, em relação aos actos eleitorais, são as datas oficialmente anunciadas. No caso da Ucrânia, foi anunciado que as presidenciais se realoizam a 17 de Janeiro. Quanto à complicação da situação no Cáucaso, são diariamente noticiados atentados e assassinatos na Inguchétia, Tchetchénia e Daguestão.

anónimo russo disse...

Jose Milhazes disse...
Anónimo russo, os factos, em relação aos actos eleitorais, são as datas oficialmente anunciadas. No caso da Ucrânia, foi anunciado que as presidenciais se realoizam a 17 de Janeiro. Quanto à complicação da situação no Cáucaso, são diariamente noticiados atentados e assassinatos na Inguchétia, Tchetchénia e Daguestão.


Eu estava a falar do Caucaso. Acho "diariamente" uma palavra demasiadamente forte, mas eu queria dizer que por enquanto nada indica que a situação vai piorar no futuro. Pelo contrário, pela nossa televisão eu vejo que os poderes decidiram dar mais atenção ao Caucaso e fazem alguma coisa. O resto é a questão do desenvolvimento economico do país e eu acho inevitavel um crescimento economico.

Anónimo disse...

"Até agora, esta iniciativa do Kremlin recebeu o apoio apenas da Nicarágua."

QUE GRANDE APOIO!!!!


KKKKKKKKKKKKKKKKKKKK!

Geórgia, o ocidente a democracia estão contigo.

Os racistas, os comunas, os fascistas, os silovikis e os anti-ocidente estão com a Rússia...

Anónimo disse...

Esses "Nashi" são um grupelho paramilitar racista, putinista e violentíssimo.


Mas uma vez, a Rússia mostra sua alma...

Oh Well, Okay. disse...

"A Rússia está criar Putlerjugend"

Mais informações sobre isto? Não encontrei nada de jeito no google.

Jose Milhazes disse...

Anónimo russo, recomendo-o a olhar com mais atenção para a imprensa russa. Por exemplo, hoje foram feridos dois polícias no Daguestão, ontem foi na Inguchétia e Tchetchénia.

anónimo russo disse...

Jose Milhazes disse...
Anónimo russo, recomendo-o a olhar com mais atenção para a imprensa russa. Por exemplo, hoje foram feridos dois polícias no Daguestão, ontem foi na Inguchétia e Tchetchénia."


Daqui a uns 10 anos, vamos ver. Todo o resto por enquanto são só conversas. Sim, os radicais atuam. Mas basta lembrar que ainda há uns 5-6 anos corria uma querra na Tchetchenia.

Anónimo disse...

Jest está a ficar muito louco com paranóias anti-putin
Eu dúvido que isso esteja a acontecer na Rússia, sabemos que o Putin não é nenhum louco.

Wandard disse...

"Wandard,

O BTC não passa pela Ossétia do Sul. "

Caro PM,

Posso estar enganado mas de acordo como o mapa que possuo dos dutos naquela região visualizo uma parte do BTC passando pelo território Osseta, segue um recorte do artigo abaixo:

A presencia massiva dos EUA na Geórgia começou logo após a queda do Muro de Berlim, quando
as transnacionais compraram o direito de explorar os imensos reservatórios off-shore de
hidrocarbonetos no Mar Cáspio e no interior do Azerbaijão.
Porém, em 1997, para escoar o petróleo e o gás em direção do porto turco de Ceyhan – considerado
o único porto estrategicamente seguro para os EUA e os países da União Européia – foi planejado
construir o “corredor energético-BTC” de 1800 km.
O BTC se inicia no porto petrolífero de Baku, no Azerbaijão, cruza 249 km da Geórgia e depois
entra na Turquia até o porto de Ceyhan. Em 1999, o consorcio formado pelas transnacionais British
Petroleum (30%); Chevron (8,90%); Staoil (8,71%); ENI (5,00%); Total (5,00%); TPAO (6,53%);
Itochu (3,40%); INPEX (2,50%); Conoco-Phillips (2,50%); Amerada Hess (2,36%) e.AzBTC
(2,50%); começaram a explorar o corredor com a implantação de oleodutos e gasodutos.
O problema do BTC é que 55 km do corredor passam pela Ossétia do Sul, que reclama sua
independência desde 1992, querendo se unificar a Republica da Ossétia do Norte, associada á
Rússia.
Para defender o corredor e os interesses das transnacionais, em 2002, os EUA criaram o “Geórgia
Train and Equio Program”, que na realidade foi um programa para militarizar a Geórgia e com o
objetivo deste pais passar a ser o “guardião” do corredor energético BTC e, sobretudo, do Cáucaso.
(BRASIL DE FETO – Ed. 286 21/27 agosto 2008)

Abraço

PortugueseMan disse...

Wandard,

É possível colocar um link para esse artigo? quem é o autor?

Diz que possui um mapa onde mostra o pipeline a passar pela a Ossétia. Esse mapa está acessivel para que possa ver? qual a fonte desse mapa?

Apesar do artigo ter muita informação correcta, a informação dos 55 Km em território da Ossétia do Sul está incorrecta. Dado que o artigo é de Agosto de 2008, parece-me a mim, que "ajustaram" o percurso do pipeline de modo a reforçar o artigo.

O pipeline evita a 3 regiões independentes, dado que sobre elas a Geórgia não tinha um controlo real e havia bases militares russas.

Existe um outro pipeline que passa muito perto da Ossétia do Sul, mas esse é o Baku-Supsa, muito possívelmente estão a referir-se a este, mas mesmo este não está dentro do território, embora tenha sido afectado por estar na zona do conflito.

Wandard disse...

Caro PM,

O artigo é de um jornalista italiano chamadado Achille Lollo, não gosto de links da internet como já citei antes e os dados foram tirados deste endereço: http://blog.zequinhabarreto.org.br/2008/10/27/cai-o-controle-estratgico-dos-eua-nos-cucaso/.

Andei estudando os mapas e concordo com você que o BTC não passa pelo território Osseta e parece que o jornalista confundiu com o Baku-Supsa que passa próximo a Gori e realmente muito perto do território osseta que antes era controlado pela Geórgia. Agradecido pela correção, e foi muito bom pois acabei estudando o mapa da região de forma mais profunda, em termos militares.

Grande abraço,

Jest nas Wielu disse...

2 Repin

Cada um de nós pode se preocupar com aquilo que é lhe importante. Geórgia / Ucrânia tem como vizinho um urso boçal e agressivo, estamos preocupados com ele. De certeza que a malta no Iraque / Afeganistão tem outras preocupações. Não sou o pai deles…

2 Anónimo 18:27

De facto, dizer melhor é difícil. Uma barafunda pós – colonial, onde várias ideias e estilos totalitários são misturados nas cabeças dos jovens problemáticos, para os usar como a carne de canhão na luta contra os concidadãos.

Quem é quem:

1. Homens em fardamento azul (calças + camisa + boné) = polícia do tipo PSP
2. Camuflado + boina escura / farda escura + boina = OMON (tipo GOE)
3. Cabeças rapadas à civil (T-Shir / Jeans) = PSP à civil
4. Camuflado de combate + capacetes = algum tipo do GOE
5. Fardamento azul, botas altas, cassetetes, bonés tipo capy francês = futuros polícias, estudantes da escola (academia) da polícia.

De facto, hoje em dia, o número das tropas (SIC!) afectas ao ministério do interior + pertencentes ao FSB é superior ao efectivo do exército regular. Sim, em vez de pensar em defender cidadãos, defendem o poder (como neste caso, quando atacavam até os jornalistas), até os simples peões que passavam por perto eram COERCIVAMENTE colocados dentro das instalações do metro. Enfim, como dizem os oposicionistas russos, Nigéria do Norte.

2 Vários anónimos tipo russos

Não sei se vocês repararam, não me interesso em absoluto pela vossa opinião. Estarei cá e publicarei tudo que achar interessante, de acordo com o “pacto social” e ética da Internet, em vigente neste blogue.

anónimo russo disse...

Anónimo disse...
Jest está a ficar muito louco com paranóias anti-putin
Eu dúvido que isso esteja a acontecer na Rússia, sabemos que o Putin não é nenhum louco.


Podem não se preocupar. Se eu um dia vir alguma coisa daquilo que foi escrito por uns paranóicos aqui, vou ser o primeiro a relatar aqui no blog. Por enquanto, não vi nada (e tenho a certeza absoluta que nunca vou ver). Talvez se fale de uma organização juvenil, realmente, igual às centenas já existentes. Mas claro que não vão ter direito nenhum de substituir as funções da polícia.

Por cinal, na minha vida só me pediram mostrar o passaporte nos aeroportos, e na rua só 1 ou 2 vezes na vida (não estou a falar da polícia rodoviária ou como se chama isso, que, claro, me verifica os documentos de vez em quando). Embora, sim, a polícia dá mais atenção às pessoas de aspecto caucasiano (e as vezes tem razões para isso, eu penso). Em Moscovo, sim, como há grande fluxo de migrantes e das pessoas vindas de outras cidades, a policia, dizem, pode exigir documentos mais frequentemente.

anónimo russo disse...

Lembrei! Vi uma vez na vida um grupo de jovens estudantes com a inscrição "NASCHI" nas camizolas deles. Um grupo de jovens e rapazes que... pintavam os bancos num parque aqui perto. Realmente, pessoas monstruosas :)

Anónimo disse...

obrigado, Jest nas Wielu, pelos esclarecimentos, e achei piada ao termo "Nigeria do Norte" (risos).

Que palhaçada, faz algum sentido a enorme quantidade de "agentes da autoridade" presentes para impedir uma manifestação de gente pacata?

Às tantas, ainda acabam por prender-se uns aos outros (os agentes) (risos)

É que faltou mencionar o número daqueles que estariam à paisana (à civil, sem farda). Esses não sabemos.

E faz algum sentido a presença dos tais agentes das forças super-especiais
(OMON e Companhia) numa simples manifestação? Essa gente não deveria actuar, apenas e tão só, em situções especiais de tipo extremo, casos de, libertação de reféns, actos de contra-terrorismo, etc.?

Será que pelo facto de a manifestação não ter sido autorizada, automaticamente, os pacíficos manifestantes, passarem a ser perigosos terroristas? (risos)

Ora bolas, assim, a Rússia não ver ser nunca, um país civilizado, de padrão moderno ocidental.

Para os "Anónimos russos", tenho a dizer que, gosto de ler os comentários do Jest, e não acho que o mesmo seja paranóico.

anónimo russo disse...

Anónimo disse...


Para os "Anónimos russos", tenho a dizer que, gosto de ler os comentários do Jest, e não acho que o mesmo seja paranóico.


È o seu direito, ler e gostar do que quiser. Mas, parece, que mesmo na Ucrânia ocidental tais radicais estão em minoria. Porque nos oltimos dias, assisti a um fenómeno interessante. Se alguem aqui sabe, o patriarca da IOR está agora na Ucrânia ocidental. Os poderes oficiais Ucranianos queriam atrapalhar a visita para esta regiao, justificando com manifestações possiveis de protesto etc. Mas o patriarca não atendeu e foi lá. E o que vemos agora? Milhares de pessóas vão ancontrar o patriarca, enquanto algumas dezenas dos radicais politicos berram ao lado e ninguem lhes dá atensão. A proporção é exatamente essa: milhares contra dezenas. Eu, francamente, pensava que a Ucrânia Ocidental seria mais hostil. Mas, parece, que é obra de alguem - criar hostilidade. Obra, que, felizmente, nem sempre funciona.

anónimo russo disse...

encontrar

Jest nas Wielu disse...

2 Anónimo 19:39 / 19:50

Além de pintar qualquer coisita, “Nashi”também já participaram nos ataques contra as embaixadas estrangeiras em Moscovo. Andaram a perseguir o embaixador da Grã – Bretanha (pois, horror, este se reuniu com a oposição russa). Enfim, não é por acaso que os chamam de putenjugend.

Anónimo 02:55

Num país normal, não havia a necessidade nenhuma de envolver a polícia de choque numa manifestação pacífica e até pouco numerosa. Não havia necessidade de atacar os fotógrafos ou fechar as pessoas no metro. Mas a Nigéria do Norte, é tudo menos o país normal, como tal, reage anormalmente às situações mais normais.

E sim, tinha esquecido, entre os “cabeças rapadas” à civil, poderiam existir “Nashi”ou pensa-se que nu futuro eles poderiam integrar os bandos de jovens, que iriam a aterrorizar a oposição.

Toda essa barafunda com os grupos paramilitares é simples: estado quer praticar o terror nas ruas, sem oficialmente participar nisso (pois fica mal). Se “Nashi” vão entrar em confrontos com “alheios”, “democratas neo-liberais” (quem não concorda com eles, é neo-liberal, mesmo se chama-se “nacional bolchevique”), então o estado russo “lavará as mãos”, do tipo, não é connosco, são cidadãos que desentenderam-se com os cidadãos.

Enfim, Alemanha época 1920-1930.

2 Anónimo 8:42

Não acredite nas manifestações aparentemente pequenas dos nacionalistas ucranianos, aparentemente eles planeiam raptar o Ciril e o torturar recitando lhe a poesia em língua ucraniana no metro de Lviv. Passe a palavra.

anónimo russo disse...

Jest nas Wielu disse...
2 Anónimo 19:39 / 19:50

Além de pintar qualquer coisita, “Nashi”também já participaram nos ataques contra as embaixadas estrangeiras em Moscovo. Andaram a perseguir o embaixador da Grã – Bretanha (pois, horror, este se reuniu com a oposição russa). Enfim, não é por acaso que os chamam de putenjugend.

Anónimo 02:55

Num país normal, não havia a necessidade nenhuma de envolver a polícia de choque numa manifestação pacífica e até pouco numerosa. Não havia necessidade de atacar os fotógrafos ou fechar as pessoas no metro. Mas a Nigéria do Norte, é tudo menos o país normal, como tal, reage anormalmente às situações mais normais


Delírio de costume do coitado nacionalista radical ucraniano, que até na sua pátria, pelos vistos, está em minoria.

Anónimo disse...

anónimo russo das 20:33

" Delírio de costume do coitado nacionalista radical ucraniano, que até na sua pátria, pelos vistos, está em minoria. "

Enxergue-se!
Você é que se mostra como um nacionalista radical, e a única nuance é que você, pelos vistos, está em sintonia com a maioriza dos seus idióticos concidadãos social-fascistas-nacionalistas e imperialistas da mafiosa Rússia actual, a qual herdou todos os vícios e malefícios do comunismo e ainda por cima, assimilou e incorporou todos os malefícios do capitalismo selvagem contemporâneo. :P
Pode ir começando a encomendar os caixões porque vai haver muitos russos mortos de fome e doença.
" Cientistas calculam que desde o início da década de 1990, algo em torno de 8 milhões de russos morreram prematuramente. O índice de mortalidade elevou-se uma vez e meia no decorrer do mesmo período. Em 2003, este indicador alcançou o ponto alto de l6,4 mortes por 1.000habitantes.
O russo comum pode esperar viver somente 58 anos"

LINK (Riqueza e pobreza na Rússia moderna):

http://www.wsws.org/pt/2005/jun2005/port-j07.shtml

anónimo russo disse...

Anónimo disse...
anónimo russo das 20:33

" Delírio de costume do coitado nacionalista radical ucraniano, que até na sua pátria, pelos vistos, está em minoria. "

Enxergue-se!
Você é que se mostra como um nacionalista radical, e a única nuance é que você, pelos vistos, está em sintonia com a maioriza dos seus idióticos concidadãos social-fascistas-nacionalistas e imperialistas da mafiosa Rússia actual, a qual herdou todos os vícios e malefícios do comunismo e ainda por cima, assimilou e incorporou todos os malefícios do capitalismo selvagem contemporâneo. :P
Pode ir começando a encomendar os caixões porque vai haver muitos russos mortos de fome e doença.
" Cientistas calculam que desde o início da década de 1990, algo em torno de 8 milhões de russos morreram prematuramente. O índice de mortalidade elevou-se uma vez e meia no decorrer do mesmo período. Em 2003, este indicador alcançou o ponto alto de l6,4 mortes por 1.000habitantes.
O russo comum pode esperar viver somente 58 anos"

LINK (Riqueza e pobreza na Rússia moderna):

http://www.wsws.org/pt/2005/jun2005/port-j07.shtml


Enxerga-te a ti e procure uns dados mais recentes, idiota. Verás uma tendéncia interessante.

Anónimo disse...

Este Blog está infestado de filhos de funcionários do partido comunista português que foram estudar prá russia e por lá ficaram, e também alguns que estão por aquí pela terra mãe e são saudosista do passado.
Sr. Milhazes, vou ter que sacar do meu spray anti-comunas, para me defender destes idióticos adoladores do "Sol do Mundo". (risos)
Despacho: é de encarar o estudo da proposta do Bokassa da Madeira, de revisão constitucional, no sentido de proibir a existência de partidos comunistas em Portugal.

Anónimo disse...

para anonimo das 00:11

Porque não fornece você mesmo?
não consigo encontrar nada.

Jest nas Wielu disse...

2 Anónimo 20:33

Na Internet cirílica, eu lhe dizia, que AM/PG, mas aqui peço para ser mais específico, mostrando me a parte exacta, onde eu faltei ao compromisso da verdade. Assim terei muito gosto de lhe mostrar vários links (com fotos, se for preciso) sobre o movimento totalitário “Nashi”.

Anónimo disse...

Exemplo de inteligência ucraniana

http://www.youtube.com/watch?v=5NRMljT55vU

Jest nas Wielu disse...

2 Anónimo 22:21

A rapaziada até é engraçada, mas a cena não tem nada a ver com a Ucrânia, alguma falsidade búlgara (a escrita nem russa era). Além disso, é obviamente um fake.

O verdadeiro talento e graça ucraniana (vencedora da edição 2009):
http://www.youtube.com/watch?v=8yYcEX5O5a4

anónimo russo disse...

Jest nas Wielu disse...
2 Anónimo 22:21

A rapaziada até é engraçada, mas a cena não tem nada a ver com a Ucrânia, alguma falsidade búlgara (a escrita nem russa era). Além disso, é obviamente um fake.

O verdadeiro talento e graça ucraniana (vencedora da edição 2009):
http://www.youtube.com/watch?v=8yYcEX5O5a4

17:44

Ela tem nome-sobrenome tipicamente russos. Se ainda por cima vive na crimeia ou no leste, é daqueles que voces chamam com desprezo de "katsapi". Ela é russa.