quarta-feira, agosto 11, 2010

Tragédia do fumo da minha janela

                                                  Moscovo, 11 de Agosto, 11 horas
                                          O fumo foi embora, mas promete voltar






É tão bom ver o sol!


E janelas abertas!
           

9 comentários:

PortugueseMan disse...

Caro JM,

Até eu que vejo pelo seu site as fotos que tem colocado, ao ver estas até me deu uma sensação de que posso respirar.

Imagino para si e para todos que estão na mesma situação.

Jest nas Wielu disse...

E porque? Tudo graças ao Putin!!!

Pippo disse...

JM, totalmente fora do contexto:

1 Em Lx o ar também está um bocado "fumado" (não sei onde será o fogo)
2 Encontrei este artigo interessante "Duas visões portuguesas da urbanização de S. Petersburgo (1780 e 1896)"

http://ler.letras.up.pt/uploads/ficheiros/2261.pdf

Lina disse...

Que bom! Espero que se mantenha assim.

Lina disse...

Que bom! Espero que se mantenha assim.

Adolfo disse...

Foi preciso o grande patriota Putin por água nesses fogos, para que o assunto ficasse resolvido.

Um país que tem o Putin, tem tudo!

ALONE HUNTER disse...

A lingua portuguesa falada em Portugal é uma verdadeira piada!!!

Esta frase: "Tragédia do fumo na minha janela" simplesmente não existe!!!

O correto seria dizer: "Tragédia da poluição na minha janela"!!! Daí sim, ficaria algo perfeitamente correto!!!

Fumo aqui no Brasil significa fumar, fumar um cigarrinho, sacaram??

Essa poluição em Moscow vem do fumo, do ato de fumar???

kkkkkkk!!!

Anónimo disse...

Vladimir Putin e o Cara!

Cristina disse...

Alone Hunter

O mesmo poderia eu dizer em relação à língua portuguesa falada no Brasil!
Então o que chama Vossa Excelência ao produto de combustão do fogo?
Ou só os cigarros é que ardem?
Quando faz uma fogueira, o que resulta? Fumo ou poluição?
Pelos vistos, no Brasil não devem conhecer a expressão "Não há fumo sem fogo"!
Sabe, quando me deparo com palavras que me são desconhecidas usadas no Brasil, não acho que estejam erradas ou mal empregues: sei que são uma variante do português.
Amigos brasileiros: sejam tolerantes! A nossa língua é para nos unir e não para nos separar!
Já basta a confusão que vai no mundo...