terça-feira, dezembro 14, 2010

Presidente Medvedev dá luz verde a auto-estrada entre Moscovo e São Petersburgo

O Presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, espera que as medidas de compensação tomadas no quadro da decisão de retomar a construção da auto-estrada entre Moscovo e São Petersburgo minimizem os prejuízos ambientais.

“O diálogo ativo com a sociedade permitiram aumentar consideravelmente as medidas compensatórias e o Presidente espera que elas minimizem os prejuízos”, revelou Natália Timakova, porta-voz do Kremlin.

Segundo ela, “o Presidente considera que os grandes projetos que afetam os interesses dos cidadãos, a ecologia, devem ser objeto de diálogo entre o poder, os homens de negócios e a sociedade civil. O exemplo da floresta de Khimkin deve ser um exemplo para todos”.

Medvedev acusou Iúri Lujkov, ex-presidente da Câmara de Moscovo, de, no início, não ter aceite projetos alternativos devido aos interesses de “estruturas próximas do governo de Moscovo”.

Hoje, uma comissão governamental considerou que a auto-estrada entre Moscovo e São Petersburgo deverá passar pela floresta de Khimki (arredores de Moscovo), anunciou hoje Serguei Ivanov, vice-primeiro-ministro russo.

O projeto de construção de uma auto-estrada entre as duas maiores cidades russas através da floresta Khimki provocou fortes protestos dos habitantes da vizinhança, que foram apoiados pelos ecologistas e pela oposição política.

Segundo os adversários do projeto, a nova construção vai levar ao abate de 144 hectares de floresta.

Os protestos contra essa proposta levaram o Presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, a suspender, em Agosto passado, a realização da obra e a submetê-la a um exame suplementar.

Desta vez, a proposta hoje revelada é acompanhada de medidas para compensar os prejuízos ambientais que poderão ser provocados pelas obras.

Serguei Ivanov anunciou que os organismos competentes irão plantar 500 hectares de floresta para compensar os 100 hectares abatidos.

Além disso, ele garantiu que junto do troço da auto-estrada que vai passar através da floresta de Khimki “não será construída qualquer infraestrutura”.

As organizações ambientais russas não excluem a possibilidade de contestarem essa decisão nos tribunais.

6 comentários:

FAB FLANKER disse...

Eu sou á favor da preservação da natureza, porém em locais onde não prejudiquem o progresso humano!

Esta rodovia, pelo que eu estudei, é necessária para desafogar o trânsito em torno de Moscow e também melhorar a logística entre as 2 maiores cidades da Rùssia!

Essa estrada irá beneficiar milhões de russos, então porque não faze-la? A Rùssia possue um imenso território, e talvez é o país com a maior cobertura florestal do planeta!

Mais em primeiro lugar, vem o progresso humano! Se for necessário fazer uma obra de infra-estrutura para benificiar a vida de milhões de pessoas, que se faça!!!

Cristina disse...

O povo russo bem faz manifestações, que o Governo lá continua na dele...
Em Portugal, sempre conseguimos mudar o aeroporto...
(é pena é agora não haver dinheiro para o construir...)

Demo Gra Pia disse...

e os tribunais funcionam?

FAB FLANKER disse...

Aqui no Brasil vai faltar energia elétrica em 2020, porque uns ambientalistas imbecis estão proibindo a construção de uma usina hidrelétrica na Amazonia. Descobriram uma espécie de sapo que está em extinção que vive no local onde seria construída a Usina!

200 milhões de pessoas vão ficar sem luz por causa de uma espécie de sapo...

É uma vergonha o que estão fazendo, isso é uma máfia, tão usando a preservação da Amazonia para bloquear o crescimento de meu país!

E todas estas ONG's são financiadas pela CIA e agencias européias, querem tomar a Amazônia do Brasil!!!

A América culpa a CHina, a Rússia, a Índia e o Brasil pelos problemas ambientais, mais não revelam que 97% de sua cobertura vegetal foi destruída para a construção de indústrias!

Cadê as florestas nos estados do Wisconsin, Illinois, Montana e Dakota do Norte?

Malditos americanos, querem bloquear os países em crescimento para manter a hegemonia!

E cadê as florestas de Portugal? Cadê as florestas da França e Alemanha?

O Brasil e a Rússia são exemplos de PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE!

Anónimo disse...

Ouvi dizer que essa estrada está amaldiçoada, porque foi feita à custa de extorsão de assinaturas e outros crimes piores. Não têm unhas para a levar até ao fim os ursos kremlinos. De boa fonte!

MSantos disse...

Se não fizessem, era um atraso de vida, uma vergonha, as duas principais cidades do país sem estarem ligadas, o dinheiro a ir para as armas, corrupção, etc e tal.

Desculpem a acidez.

Cumpts
Manuel Santos