domingo, abril 24, 2011

Queda de popularidade de Medvedev e Putin atinge números nunca vistos


  Os níveis de popularidade do Presidente Medvedev, do primeiro-ministro Putin e do partido dirigido por este último: Rússia Unida sofreram quedas nunca vistas.
Segundo uma sondagem realizada pelo Fundo “Opinião Pública”, entre janeiro de 2010 e março de 2011, a popularidade de Dmitri Medvedev entre os russos desceu de 62 para 46 por cento e a confiança para com Vladimir Putin caiu de 69 para 53 por cento.
O Partido Rússia Unida recebeu o apoio de 44 por cento dos inquiridos, tendo o nível de desconfiança face à força política dirigente no país aumentado de 29 para 38 por cento.
Os sociólogos consideram que os russos se inclinam para a “ditadura” e o apoio a Putin quando ocorrem convulsões, atentados teroristas ou conflitos armados,mas viram-se para Medvedev quando a situação é mais estável.
Os peritos assinalam a presença de uma “tendência perigosa” para o poder: o desprezo por parte deste dos interesses da classe média e a concentração exclusiva nos seus próprios interesses.

9 comentários:

Wandard disse...

O presidente da Rússia, Dmitri Medvedev, empatou com o seu mentor político e antecessor, o premiê Vladimir Putin, em popularidade pela primeira vez desde que assumiu o cargo, em 2008, revelou uma pesquisa de opinião divulgada na sexta-feira, pelo jornal russo "Vedomosti".


Das 1.600 pessoas entrevistadas pelo instituto considerado independente Levada Center, 76% aprovam Medvedev e 77% aprovam Putin. Como a margem de erro é de 3,4 pontos percentuais, ambos estão tecnicamente empatados. No mês passado, o presidente tinha 73% de aprovação. A nova pesquisa foi realizada nos dias 22 a 25 deste mês.


Putin foi presidente da Rússia por dois mandatos, de 2000 a 2008, e patrocinou a candidatura de Medvedev ao Kremlin há dois anos. Considerado o político mais poderoso do país, o hoje premiê não revela se concorrerá de novo à Presidência em 2012. Analistas temem que uma possível disputa entre os dois pela candidatura presidencial daqui a dois anos comprometa a estabilidade do país. Perguntados sobre quem preferem como candidato no próximo pleito, 24% dos entrevistados apontaram Putin, enquanto 21% disseram preferir Medvedev.


Para o vice-diretor do instituto de pesquisa, Alexei Grazhdankin, o aumento da popularidade do atual presidente se deve à demissão, no mês passado, do prefeito de Moscou, Yuri Luzhkov.




www.jornalagora.com.br

anónimo russo disse...

"Os sociólogos consideram que os russos se inclinam para a “ditadura” e o apoio a Putin quando ocorrem convulsões, atentados teroristas ou conflitos armados,mas viram-se para Medvedev quando a situação é mais estável."

Esta afirmação não me parece muito correta: ao meu ver, há um certo porcento de pessoas que apoiam Medvedev, há uma quantidade de pessoas que apoiam Putin (Putin tem mais apoiantes). Nos momentos menos estaveis as pessoas realmente podem virar-se mais para Putin. Mas nos tempos mais estaveis eu não diria que o número de apoiantes de Medvedev subisse mais ou menos significativamente.

E em relação a atos terroristas, não tenho nenhuma certeza de que Putin ou seja lá quem for ganhasse mais popularidade, é uma afirmação muito duvidosa. Tambem, talvez seja interessante saber, para aqueles quem não sabe deste lado da realidade politica russa, que, logo que acontece algum ato terrorista, parte da internet-"oposição" russa (e, provavelmente isso acontece não só na internet) começa a acusar o poder, os serviços secretos etc. de terem organizado este ato terrorista, porque isso, alegadamente, "corresponde aos interesses do poder", "permite desviar a atençaõ das pessoas" etc. È uma das razões porque eu pessoalmente não gosto e não respeito muito essa "oposição". Voce pode ser um opositor, mas não um fanatico idiota.

Jose Milhazes disse...

Caro Wandard, veja quando foi feita essa sondagem. Lujkov foi demitido já há meses.

Wandard disse...

Caro Sr. Milhazes,

Transcrevi o texto do jornalista, sei que o Lujkov foi demitido há meses porém a referida pesquisa foi concluída na data abaixo qcredito que seja a mesma:

20/04/2011. 15-18 abril 2011 Yuri Levada Analítica (Centro Levada Center) realizou um inquérito a uma amostra representativa de 1.600 russos com idades entre 18 e mais de 130 estabelecimentos de 45 regiões do país. Distribuição das respostas a algumas das perguntas da pesquisa apresentados em porcentagem do total dos entrevistados, juntamente com dados de pesquisas anteriores. Estatística erro nos dados destes estudos não exceda 3,4%.


Aprovação da presidência de Putin, embora um pouco maior na comparação com março, ainda um recorde de baixa após a Primavera de 2005; endosso de Medvedev - um recorde de baixa desde a sua eleição para a presidência, enquanto 71% e 68% respectivamente - todos ainda podem ser considerados um indicadores muito bons. Na pesquisa Putin e Medvedev ainda lideram como os políticos em que o povo mais confia.

E tem mais esta:

2011/04/13. Os levantamentos foram realizados março 18-21, 11-14 fevereiro, e 28-31 Janeiro de 2011,amostra-padrão de 1600 pessoas. Distribuição de respostas às perguntas da pesquisa é dada como uma percentagem do total dos entrevistados. Estatística erro nos dados destes estudos não exceda 3,4%.

Também sobre este assunto, consulte o press releases em: 22 de março, a cerca de Medvedev presidência http://www.levada.ru/press/2011032207.html e http://www.levada.ru/press/2011032204.html ; 21 de fevereiro sobre as características da imagem de Medvedev e Putin .


Entre os jovens, tanto de confiança de 78%, enquanto entre os russos com mais de 55 anos, o número é de 59% para Medvedev e 66% para Putin.

Sobre o conjunto de confiança, muitas vezes dizem que as pessoas com educação secundária (75% para Medvedev e Putin 77%). . Na categoria com menos o ensino secundário 60% de confiança Medvedev, Putin, 68%. Entre a confiança ricos russos Putin, Medvedev, e de 76% e 74% respectivamente. Ao mesmo tempo, entre a população de baixa renda, 42% confiam no presidente, o chefe de governo - 61%.

O nível de apoio principalmente em cidades pequenas (71% da população que confia Medvedev) e aldeias (75% de confiança Putin). Na capital e de confiança em outras grandes cidades Medvedev 63% e 60% da população, respectivamente, Putin - de 60% e 70%.


Abraço,

Gilberto Mucio disse...

Isso nos leva a suspeitar que no ano que vem teremos alguns atentados terroristas em Moscou.

Anónimo disse...

É isso o que dá aparecer na Internet dançando "American Boy" como se fosse um Robô defeituoso :))))

anónimo russo disse...

Alguns estudantes brasileiros, comunistas e nao só, como se ve nos comentários, brilham aqui de novo com a sua grande inteligencia.

Anónimo disse...

Em demais fontes, russas ou estrangeiras, não pude constatar as mesmas informações aqui concedidas a respeito da queda de popularidade.

Jose Milhazes disse...

Anónimo, o nome do Instituto que fez a sondagem está lá. Procure melhor. Se põe em dúvida o que eu escrevi, quero apenas dizer-lhe que tenho mais do que inventar notícias.