sexta-feira, agosto 19, 2011

Iúlia Timochenko sente-se “muito mal”, mas recusa assistência médica prestada por autoridades

Iúlia Timochenko, que se encontra na prisão há duas semanas, sente-se “muito mal”, mas as autoridades não permitem que ela seja assistida pelo médico pessoal, declarou Marina Soroka, porta-voz da  antiga primeira-ministra ucraniana.
“Iúlia Vladimirovna sente-se muito mal, mas não permitem o acesso do médico a ela. Desconhece-se o tipo de doença, mas o médico de Timochenko diz que é necessário fazer análises”, precisou ela, citada pela agência Ria-Novosti.
“Como é que ela se pode preparar para fazer declarações no tribunal sobre o processo do gás nesse estado?”, perguntou Soroka, acrescentando: “eles [poder] querem simplesmente dar cabo de Timochenko como política”.
Iúlia Timochenko é acusada de ter abusado do poder durante as conversações com a Rússia sobre fornecimentos de gás em 2009.
O seu advogado de defesa já pediu oito vezes a libertação da dirigente da oposição ucraniana, pedidos recusados pelo juiz.
O Serviço Penitencial da Ucrânia informou que o Tribunal Petcherski, onde a antiga primeira-ministra está a ser julgada, autorizou ontem uma consulta médica, mas Timochenko recusou-a.
“Ontem, uma comissão médica, constituída por conhecidos especialistas da Ucrânia, esteve na prisão. Não obstante isso, Timochenko recusou a consulta, o que ficou fixado por escrito”, lê-se num comunicado desse serviço.
Iúlia Timochenko afirma recear a assistência médica oficial.

3 comentários:

Anónimo disse...

Eu tb não confiaria na ajuda médica oficial. Burra ela não é.

Zhirinovsky "The Bear" disse...

Essa mulher, e o ex-presidente ucraniano afundaram aquele país num abismo e quase provocaram uma guerra com a Rússia por causa da questão da Frota do Mar Negro...

Eu afirmo que hj a Ucrania está muito melhor colocada no cenário mundial. Recentemente seu atual presidente declarou que a Ucrania quer se alinhar com a Europa ocidental, mas sem hostilizar a Rússia... A Ucrania tem todo o direito de seguir seus próprios caminhos, mas não pode esquecer o seu passado que é totalmente ligado a Rùssia.

A Ucrania não pode usar o gás como chantagem!!!

E com relação ao gás, eu defendo que a Rússia começe focalizar na China e não na Europa Ocidental, porque essas chantagens por parte dos países onde o gás russo passa só irá aumentar!!!

A Rússia é um país abençoado por possuir esse imenso território que permite fazer fronteira com a Finlandia e com a China!!!

A Rússia pode ganhar muuuuita grana fazendo negocios com a China!!! E essa grana irá financiar o retorno do URSO!!!


VLADIMIR PUTIN PARA PRESIDENTE!!!

Владимир Путин на пост президента!!!

Anónimo disse...

Essa mulher vai acabar sendo assassinada na prisão. Eu no lugar dela jamais aceitaria uma medicação da assistência médica oficial. Tenebroso o clima político na Ucrânia.